Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

DEPRESSÃO INFANTIL

Psicólogo orienta pais a ficarem atentos aos sinais das crianças para prevenir depressão

Publicado em: 24/09/2021 09:52

Segundo o psicólogo menores de 4 anos não conseguem dar nome às emoções, por isso é importante observar sinais como choro fácil, irritabilidade, perda de sono e terror noturno.  (Marcello Casal Jr/Agência Brasil)
Segundo o psicólogo menores de 4 anos não conseguem dar nome às emoções, por isso é importante observar sinais como choro fácil, irritabilidade, perda de sono e terror noturno. (Marcello Casal Jr/Agência Brasil)
“Os sintomas da depressão infantil variam com a idade da criança e o seu diagnóstico nunca é fácil, sendo necessária uma avaliação detalhada”, explica o psicólogo Rodrigo Nery. Segundo ele, a depressão infantil é uma realidade muito presente na vida das crianças, porém, é pouco discutida atualmente. Para desmitificar o tema, a campanha Setembro Amarelo surge como uma oportunidade para falar sobre a saúde mental das crianças.

O psicólogo, que é especialista em Terapia Cognitivo-Comportamental, ressalta que muitas vezes a criança ainda está formando seu repertório de reconhecimento e de comunicação para falar de seus sentimentos, ela não consegue ter claro o que está sentindo e nem consegue exteriorizar adequadamente seus sentimentos.

“A apresentação dos sintomas depende muito da personalidade e maturidade da criança. Cada uma se comporta de maneira única. As diversas possibilidades de justificação dos comportamentos infantis, portanto, exigem dos pais, atenção redobrada”, alerta Nery.

De acordo com o psicólogo, as crianças menores de 4 anos não conseguem dar nome às emoções, por isso é importante observar alguns sinais como choro fácil, irritabilidade, perda de sono, terror noturno, falta de apetite, falta de vontade em fazer as coisas que gostava anteriormente, entre outros.

“Com a procura de um profissional adequado ele poderá identificar padrões comportamentais que evidenciam o transtorno, também precisa entender a origem. Além disso, a melhor maneira de prevenir o desenvolvimento da depressão infantil é estar atento aos sinais que a criança demonstra”, finaliza.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
CPI da Pandemia recomenda indiciamento de Bolsonaro
Manhã na Clube: entrevistas com Sileno Guedes e com a nutricionista Joyce Alencastro
CPI da Pandemia chega ao final com homenagens às vítimas da Covid
Manhã na Clube: ex-ministro Roberto Freire, dr. Cláudio Falcão e o advogado Pedro Avelino
Grupo Diario de Pernambuco