Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

MEIO AMBIENTE

Com novo plano diretor, Parque Estadual de Dois irmãos doa pavão branco à Unicap

Publicado em: 15/09/2021 10:38

Ave vai conviver com indivíduos da mesma espécie e também com diferentes animais na nova casa. (Lu Rocha - Semas/PE

)
Ave vai conviver com indivíduos da mesma espécie e também com diferentes animais na nova casa. (Lu Rocha - Semas/PE )
O Parque Estadual de Dois Irmãos, na Zona Norte do Recife, doou um pavão branco a Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), na Boa Vista, Área Central da Capital pernambucana. De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Pernambuco (Semas/PE), a transferência faz parte do novo plano diretor do zoológico, que foca na preservação da biodiversidade local e visa desempenhar um papel estratégico na proteção e preservação da fauna nativa dos biomas da Mata Atlântica e Caatinga, além das zonas de transição da Mata Atlântica. A mudança ocorre nesta quinta-feira (16).

“Na Unicap, ele terá uma boa qualidade de vida. Vai conviver com outros pavões e aves de diferentes espécies, tendo mais oportunidades de interagir. Vale lembrar que, por ser uma espécie exótica, já não está mais no plano de populações do zoológico, mas tivemos todo o cuidado na escolha da nova casa, onde será muito bem acolhido e tratado”, explicou o gerente técnico de Manejo de Fauna do Parque, o veterinário Márcio Silva.

A ave (Pavo cristatus) de origem indiana, também conhecida como pavão-azul ou pavão-comum, veio de uma fazenda em Sairé e foi doada ao zoológico em 2010, quando já era um macho adulto (com idade entre 3 e 5 anos). Como são animais onívoros, se alimentam de frutas, sementes, insetos e pequenos vertebrados como lagartixas.

Segundo Márcio Silva, o pavão branco é, na verdade, o ‘pavão azul’. “Eles têm a mesma origem asiática e são da mesma espécie. O que o animal exótico do zoo apresenta é apenas uma variante genética, que é o albinismo”, explica o gestor.

Os machos têm uma cauda comprida, com uma exuberante plumagem em leque, que abre na fase reprodutiva para conquistar a atenção da fêmea e poder reproduzir. No zoológico, ao longo do tempo, o pavão branco conviveu com três fêmeas, mas hoje está só. O animal ficará nos jardins da Unicap.
TAGS: unicap | à | branco | pavão | doa | irmãos | dois | de | estadual | parque | diretor, | plano | novo | com |
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Após erupção do vulcão Cumbre Vieja, especialistas temem gases tóxicos
Manhã na Clube: Lucas Ramos (Sec. de Ciência e Inovação de Pernambuco) e dr. Catarina Ventura
Na ONU, Bolsonaro diz ser contra passaporte sanitário
Manhã na Clube: Augusto Coutinho, Laurice Siqueira, Frederico Preuss Duarte e Kaio Maniçoba
Grupo Diario de Pernambuco