Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

COVID-19

Adolescentes a partir dos 12 anos se imunizam na capital pernambucana

Publicado em: 02/09/2021 13:30 | Atualizado em: 02/09/2021 19:32

O público estimado dessa faixa etária é formado por 48.612 pessoas, sendo que 18 mil delas já estão cadastradas no Conecta Recife.  (Sandy James/Especial DP)
O público estimado dessa faixa etária é formado por 48.612 pessoas, sendo que 18 mil delas já estão cadastradas no Conecta Recife. (Sandy James/Especial DP)
A espera acabou para os adolescentes de 12 e 13 anos de idade, para se imunizarem contra a Covid-19 na Capital pernambucana. A aplicação da 1ª dose para o novo grupo começou na manhã desta quinta-feira (2). De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde do Recife, mais de 48 mil pessoas integram o grupo, que já pode ser imunizado nos 26 postos de vacinação que funcionam de domingo a domingo, das 7h30 às 18h30. Neste primeiro dia, 18 mil agendamentos foram realizados.

A comerciante Ivanilda Oliveira, 41 anos, levou seus filhos João Miguel, 13 anos, e Maria Luiza, 16 anos, para o Porto Digital, na Rua do Apolo nº 235, no Bairro do Recife, para tomarem a 1ª dose do imunizante tipo Pfizer, única vacina permitida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para jovens a partir de 12 anos.

“Eu estou muito mais tranquila pela chegada da vez dos meus filhos receberem a vacina. O afastamento deles da escola, principalmente no período de pico da pandemia, mexeu muito com o psicológico deles. O mais novo, João Miguel, por ser mais ansioso e hiperativo, e por ficar muito tempo em casa, não se adaptou ao ensino remoto. Já a mais velha, Maria Luiza, ela se adaptou mais rápido a situação, pois é mais reservada", comenta a mãe.
Ivanilda levou seus filhos João Miguel e Maria Luiza para tomarem a 1ª dose. (Sandy James/Especial DP)
Ivanilda levou seus filhos João Miguel e Maria Luiza para tomarem a 1ª dose. (Sandy James/Especial DP)

Os adolescentes relataram sobre o desafio escolar diante do período pós proliferação da Covid-19, e como se sentem diante da primeira etapa do ciclo de imunização contra a doença.

“Eu estava mais ansiosa no começo, mas confesso que não fique pensando muito nesses últimos dias. Mas assim que fizemos o agendamento eu fiquei bastante nervosa. Tem sido bem difícil ficar somente em casa, eu gostava muito de ir para escola ver os amigos, e a adaptação das aulas remotas não foi fácil no começo. Tenho esperança que tudo volte ao normal de novo”, comenta Maria Luiza, que cursa o Ensino Médio na Escola Luiz Delegado, nas imediações do Parque 13 de Maio.

“Eu estava ansioso para tomar a vacina. Quero tentar volta a um pouco do que foi a vida normal e quero ficar mais tranquilo na escola em relação a doença. E agora, me sinto mais leve, sabendo que eu estou com a primeira dose”, comemora João Miguel, que cursa o Ensino Fundamental na Escola Senador Paulo Guerra, na Abdias de Carvalho.

De acordo com a Prefeitura do Recife, 15 mil adolescentes (até os dezoito anos), já foram imunizados com a 1ª dose, desde o início da vacinação para esse público, em 19 de agosto. 
Ana Karla, 13 anos, e Ana Paula, 12 anos, receberam a 1ª dose do imunizante tipo Pfizer contra a Covid-19, no Porto Digital, na Rua do Apolo, nº 235, no Bairro do Recife. (Sandy James/Especial DP)
Ana Karla, 13 anos, e Ana Paula, 12 anos, receberam a 1ª dose do imunizante tipo Pfizer contra a Covid-19, no Porto Digital, na Rua do Apolo, nº 235, no Bairro do Recife. (Sandy James/Especial DP)

A pasteleira Viviane Nascimento, mãe de Ana Karla, 13 anos e Ana Paula, 12 anos, também se diz mais tranquila com a imunização das filhas. "É bom saber que caso elas peguem a doença, não será tão grave. Se não está sendo fácil para a gente, imagina para os adolescentes ficarem o tempo todo em casa”, reflete. “Isso está afetando o psicológico delas. Agora, elas vão poder voltar a estudar com um pouco mais de garantia na escola".

As irmãs contam que não conseguiram dormir na última noite, diante da aproximação do dia da aplicação da 1ª dose do imunizante contra a Covid-19. “Estou muito feliz, pois estava esperando há muito tempo. Não consegui dormir, pois estava ansiosa. Agora me sinto muito aliviada. Eu quero muito que as aulas voltem. Vou contar pros meus amigos que tomei a vacina. Estou tão feliz”, disse Ana Paula. “Está sendo maravilhoso finalmente receber a vacina. Não consegui dormir”, complementa a irmã mais velha, Ana Karla.

O cadastro para receber o imunizante contra a Covid-19 deve ser realizado através do site (www.conectarecife.recife.pe.gov.br) ou do app Conecta Recife. Para a vacinação dos menores de 18 anos, é necessário anexar o documento de identidade ou certidão de nascimento, documentação dos pais ou responsáveis e comprovante de residência, também em nome dos pais ou responsáveis. A Prefeitura do Recife orienta que a pessoa que realizou o cadastro leve, no dia da vacinação, os documentos que foram anexados no sistema do agendamento.

Postos de Vacinação
A Prefeitura do Recife disponibiliza 26 postos de vacinação, que funcionam de domingo a domingo, das 7h30 às 18h30. Desse total, 12 funcionam com salas de vacinação em centros que estão localizados no: Sest Senat, no Porto da Madeira; Porto Digital (Apolo 235), no bairro do Recife; na Unicap, na Boa Vista; na Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), em Dois Irmãos; Parque de Exposição de Animais, no Cordeiro; na Unidade de Cuidados Integrais (UCIS) Guilherme Abath, no Hipódromo; Compaz Ariano Suassuna, no Cordeiro; Ginásio Geraldão, na Imbiribeira; Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs), na Tamarineira; Parque da Macaxeira, na Macaxeira; UPA-E do Ibura; e UniNassau, nas Graças.

Já os 14 drives estão localizados no Sest Senat, em Beberibe; no Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs), na Tamarineira; Parque de Exposição de Animais, no Cordeiro; Fórum Ministro Artur Marinho - Justiça Federal de Pernambuco (Avenida Recife), no Jiquiá; Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), em Dois Irmãos; Juizados Especiais do Recife, na Imbiribeira; Parque da Macaxeira, na Macaxeira; Geraldão, na Imbiribeira; Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), na Cidade Universitária; Tribunal Regional Federal da 5ª Região, no Bairro do Recife; BIG Bompreço de Boa Viagem, BIG Bompreço de Casa Forte, Unicap (Boa Vista) e Carrefour (Torre).
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
As mães em plena pandemia: casal paulista adota cinco irmãos de Serra Talhada
Bolsonaro aumenta IOF para custear novo Bolsa Família
Surto de Covid-19 obriga Presidente da Rússia a ficar em isolamento
Manhã na Clube: entrevistas com o deputado Eduardo da Fonte (PP), Elias Paim e Diego Martins
Grupo Diario de Pernambuco