Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

IMUNIZAÇÃO

Pernambuco recebe 152,5 mil novas doses de vacinas contra a Covid-19 da Astrazeneca

Publicado em: 24/08/2021 07:33

 (Foto: Hélia Scheppa/SEI)
Foto: Hélia Scheppa/SEI
Pernambuco recebeu, na noite desta segunda-feira (23), um novo lote de vacinas da Astrazeneca/Oxford/Fiocruz contra a Covid-19. As 152.500 doses foram descarregadas no Aeroporto Internacional do Recife e foram encaminhadas à sede do Programa Estadual de Imunização (PNI-PE) para checagem e armazenamento. 

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES), a distribuição dos dois novos lotes às Gerências Regionais de Saúde (Geres) foi feita na madrugada desta terça-feira (24), juntamente outras 107.300 unidades da vacina Coronavac/Butantan que foram recebidas no domingo (22).

A Secretaria também informou que a orientação é que as doses da Coronavac sejam destinadas ao esquema completo da população em geral. Os imunizantes da Astrazeneca serão exclusivamente para segundas doses das pessoas com comorbidades e deficiência. Já as da Pfizer garantirão a primeira dose da população em geral e dos adolescentes entre 12 e 17 anos com deficiência permanente, comorbidades, gestantes, puérperas (no puerpério remoto – até um ano) ou privados de liberdade. O insumo da Pfizer ainda irá para a conclusão do esquema vacinal de gestantes e puérperas a partir dos 18 anos.

Com as vacinas que chegaram nesta segunda-feira, Pernambuco totaliza 9.456.260 doses, sendo 4.059.270 da Astrazeneca/Oxford/Fiocruz, 3.214.680 da Coronavac/Butantan, 2.010.060 da Pfizer/BioNTech e 172.250 da Janssen.
  
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Fechamento de escolas durante pandemia pode gerar prejuízos por décadas no Brasil
Manhã na Clube: entrevistas com Bruno Rodrigues e Débora Almeida
Manhã na Clube: entrevista com a dra. Tamara Cristina, endocrinologista
Refugiados ucranianos no Brasil: mais de 10 mil quilômetros longe de casa
Grupo Diario de Pernambuco