Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

PROJETOS

PE inicia investimentos no Aeródromo de Garanhuns e discute sobre o abastecimento de água

Publicado em: 28/04/2021 16:47 | Atualizado em: 28/04/2021 17:02

 (Aluísio Moreira/SEI)
Aluísio Moreira/SEI
O Governo de Pernambuco autorizou, nesta quarta-feira (28), o início das obras de requalificação da pista de pouso do Aeródromo de Garanhuns, no Agreste Meridional, e a reforma do terminal de passageiros do local. As duas ações somam investimentos em aproximadamente R$ 3,2 milhões.

“É uma região importante, e estamos trabalhando muito pra induzir o desenvolvimento econômico. São mais de três milhões em investimentos e vamos ter, até o mês de novembro, a possibilidade de o aeródromo estar totalmente remodelado e adaptado. Aproveitamos também para discutir a execução de obras de abastecimento de água. São mais de 22 milhões de reais que estão sendo investidos em Garanhuns para a melhoria desse setor”, explicou o governador Paulo Câmara (PSB), durante a reunião por vídeochamada. O encontro também abordou sobre o sistema de abastecimento de água da cidade.

Segundo o governo, após a ordem de serviço, foi iniciada a montagem da usina de asfalto no aeródromo. Em seguida, serão realizados os trabalhos de restauração do sistema de pistas e a sinalização horizontal da área de movimentação das aeronaves. Os serviços visam garantir a segurança operacional da pista de pouso e decolagem, e serão executados no prazo de três meses, seguindo as Normas Técnicas Brasileiras e as da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) vigentes.

A segunda fase de intervenções inclui a recuperação do terminal de passageiros, implantação de cerca operacional e da faixa indicadora de direção do vento do aeródromo. A licitação para a reestruturação do prédio foi publicada no Diário Oficial do Estado na quarta-feira (28) e o edital para a contratação da empresa de engenharia responsável por executar as obras prevê um orçamento de R$ 653 mil. A expectativa é que estes serviços sejam iniciados no segundo semestre de 2021.

De acordo com a secretária estadual de Infraestrutura e Recursos Hídricos, Fernandha Batista, a ação impulsionará a economia e o turismo de Garanhuns, que é polo de 32 municípios do Agreste Meridional e centro regional de saúde e educação, concentrando, em seu entorno, mais de um milhão de moradores.

“O Governo de Pernambuco está dando mais um grande passo para consolidação da infraestrutura aérea no Estado. As intervenções propostas para o aeródromo têm como intuito qualificá-lo para o recebimento de voos comerciais, assim como foi feito em Caruaru e Serra Talhada, e também será feito em Araripina”, disse Fernandha.

Abastecimento de água
Durante a reunião, foi discutido, segundo governo, o andamento das obras no sistema de abastecimento de água de Garanhuns, em execução pela Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). Segundo os gestores, as melhorias permitem que áreas periféricas da cidade saiam do regime intermitente de três dias com água e três sem, para o abastecimento diário. “A ação conta com um aporte de R$ 21 milhões e deve ser concluída em sua totalidade em dezembro de 2022. Atualmente, 95% dos moradores do município recebem água todos os dias”, informam.

A assinatura da ordem de serviço aconteceu no Palácio do Campo das Princesas, durante videoconferência com a secretária estadual de Infraestrutura e Recursos Hídricos, Fernandha Batista, o prefeito de Garanhuns, Sivaldo Albino, e a presidente da Compesa, Manoela Marinho.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Anvisa recomenda suspender vacinação da AstraZeneca para grávidas
Anticorpos contra Covid-19 permanecem no sangue por pelo menos oito meses
Manhã na Clube - Entrevista com Rodrigo Maia e Gilson Machado Neto
De 1 a 5: dicas para destravar sua criatividade e ampliar a percepção
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco