Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

IMUNIZAÇÃO

Pernambuco soma 272.864 doses de vacina contra a Covid-19 aplicadas

Publicado em: 16/02/2021 19:07

 (Foto: Thomas Kienzle/AFP)
Foto: Thomas Kienzle/AFP
Nesta terça-feira (16), Pernambuco alcançou a marca de 272.864 doses da vacina contra a Covid-19 aplicadas no estado, segundo informações da Secretaria Estadual de Saúde (SES). Desse total, 229.060 foram primeiras doses. Ao todo, foram aplicadas a primeira dose em 129.396 trabalhadores de saúde; 23.656 em povos indígenas aldeados; 5.477 idosos em Instituições de Longa Permanência; 69.806 idosos a partir dos 85 anos, além de 725 pessoas com deficiência institucionalizadas. 

Sobre a segunda dose, já foram imunizados 28.265 trabalhadores de saúde; 13.316 povos indígenas aldeados; 2.123 idosos institucionalizados e 100 pessoas com deficiência institucionalizadas; totalizando 43.804 pessoas que já finalizaram o esquema de vacinação.

Hoje foram confirmados mais 1.582 casos da Covid-19. Dentre estes, 62 (4%) são casos de Síndrome Respiratória  Aguda Grave (SRAG) e 1.520 (9%) são leves. Com isso, Pernambuco possui 282.913 casos confirmados da doença. Desse total, 31.858 são graves e 251.055 leves. Também foram confirmados 34 óbitos (20 masculinos e 14 femininos), ocorridos entre 26/10/2020 e 15/02/2021. O estado já soma um total de 10.711 mortes pela Covid-19. 

As novas mortes são de pessoas residentes dos municípios de Araripina (1), Belém de São Francisco (1), Bodocó (1), Caruaru (1), Exu (2), Flores (1), Floresta (1), Garanhuns (1), Igarassu (1), Jaboatão dos Guararapes (1), Mirandiba (1), Olinda (6), Parnamirim(1), Petrolândia (1), Recife (10), São Lourenço da Mata (1), Serra Talhada (1), Trindade (1) e Vitória de Santo Antão (1). 

Os pacientes tinham idades entre 32 e 101 anos. As faixas etárias são: 30 a 39 (1), 40 a 49 (1), 50 a 59 (4), 60 a 69 (7), 70 a 79 (9) e 80 ou mais (12). Do total, 25 tinham doenças pré-existentes: doença cardiovascular (15), diabetes (10), hipertensão (7), obesidade (4), doença renal (2), câncer (2), tabagismo (2), doença hepática (1), doença de Alzheimer (1) e histórico de AVC (1) - um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Os demais estão em investigação.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Bolsonaro diz não ter briga com a Petrobras
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 24/02
Atividades econômicas proibidas em 63 municípios do Agreste e Sertão
Brasil aprova uso definitivo da vacina da Pfizer, mas imunizante ainda não está disponível
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco