Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

Sertânia recebe sistema de abastecimento com água todos os dias

Publicado em: 11/11/2020 21:35

 (Foto: Pedro Menezes/SEI
)
Foto: Pedro Menezes/SEI
Foi inaugurada, nesta quarta-feira (11), a ampliação do sistema produtor do Açude Barra, em Sertânia. Cerca de 20 mil pessoas foram beneficiadas com o acréscimo na oferta de água, saindo do regime de 2 x 16 para o abastecimento 24 horas todos os dias. Os serviços executados garantiram incremento no volume de água captada e transportada do Eixo Leste da Transposição do Rio São Francisco, por meio da instalação de uma nova estação de tratamento de água com capacidade de 40 litros por segundo, além da implantação de nova adutora e estação elevatória. O investimento foi da ordem de R$ 1,5 milhão.  A ação é uma parceria entre a Compesa e a Secretaria de Infraestrutura e Recursos Hídricos do Estado.

“Entregamos um sistema novo de tratamento e abastecimento de água. A cidade está hoje com 60% do abastecimento regular, e faltam 40%, que a gente vai trabalhar com a Compesa e com a prefeitura para finalizar e garantir o abastecimento de água e as condições cada vez melhores de se viver, tanto na cidade quanto na Zona Rural, em todo o Sertão pernambucano”, ressaltou Paulo Câmara.

Serra Talhada

Mais cedo, em Serra Talhada, o governador inaugurou outras duas importantes obras. A primeira foi a ampliação da oferta de água para as unidades da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) e da Universidade de Pernambuco (UPE), intervenção que beneficiará cerca de 12 mil pessoas da comunidade acadêmica. Com a obra, a UPE, antes sem fonte de abastecimento de água, agora é atendida pelo novo sistema. Já a UFRPE, passa a ser abastecida pela nova adutora, em um esquema de 1 x 4 (antes era de um dia com água para dez sem). O investimento na obra foi de R$ 1,4 milhão, com recursos da Compesa e do município.

Ainda em Serra Talhada, foi inaugurado o sistema adutor para o Instituto Federal de Pernambuco (IFPE), por meio da interligação do campus à Adutora do Pajeú, beneficiando cerca de duas mil pessoas que estudam e trabalham no instituto. O investimento foi de cerca de R$ 465 mil, também com recursos da Companhia e do município. “Em Sertânia, as intervenções resultaram no abastecimento de 60% da cidade 24 horas por dia. Uma realidade de melhoria que se aplica também aos investimentos nas unidades de ensino do Sertão. Neste caso, um ganho representativo para a comunidade acadêmica, que necessitava dessa atenção. Com as obras, são 30 mil pessoas impactadas com infraestrutura hídrica”, avaliou a presidente da Compesa, Manuela Marinho.

Custódia

Seguindo a programação no Sertão, o governador vistoriou mais duas obras de infraestrutura hídrica, dessa vez no município de Custódia. A primeira foi na implantação do sistema adutor de Custódia, que reforçará o abastecimento do município em 80 litros por segundo a partir do reservatório de Moxotó, no Eixo Leste da Transposição do Rio São Francisco. A intervenção está orçada em R$ 31 milhões, com previsão de conclusão para março de 2021.

A segunda vistoria aconteceu na obra de implantação da rede de abastecimento de água Carvalho e Lagoa da Onça, com capacidade de sete litros por segundo, que beneficiará duas mil pessoas residentes nas comunidades de Boa Vista, Carvalho, Cedro, Fazendinha, Lagoa da Onça, Riacho Novo, Samambainha, Serrote, Soares e Umbuzeiro, na Zona Rural do município. O investimento é da ordem de R$ 4 milhões, e a previsão de entrega é para maio de 2021.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Entrevista com o governador Paulo Câmara
Um milhão de doses da CoronaVac chegam em São Paulo
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 03/12
Vídeo mostra confusão envolvendo agentes da CTTU em Santo Amaro
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco