Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

Paulo Câmara inaugura laboratório de esgoto em Caruaru e anuncia reforço do abastecimento de água para a região

Publicado em: 10/11/2020 21:28

 (Fotos: Pedro Menezes/SEI
)
Fotos: Pedro Menezes/SEI
O governador Paulo Câmara inaugurou, na manhã desta terça-feira (10), o novo laboratório de esgoto de Caruaru, no Agreste, e as novas áreas de manutenção e armazenamento de insumos da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Rendeiras, no mesmo município. A obra é fruto de uma parceria entre a Secretaria de Infraestrutura e Recursos Hídricos (Seinfra) e a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) e foi viabilizada com recursos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). O investimento é de R$ 3 milhões e beneficiará cerca de 350 mil habitantes. Durante visita a Caruaru, o governador também anunciou um reforço no abastecimento de água na região.

“Estamos inaugurando esse laboratório regional de esgoto e vamos ter um polo em Caruaru, como nós já temos no Recife e em Petrolina, para análise de todo o esgoto da região. Isso vai garantir os estudos necessários, procedimentos mais rápidos e não vamos mais precisar mandar material para o Recife. Isso vai ajudar muito na melhoria do esgotamento sanitário e na qualidade do material que é recolhido aqui”, ressaltou Paulo Câmara.

O laboratório regional de esgoto será responsável pelas atividades de análises físico-químicas e bacteriológicas relacionadas à operação das estações de tratamento de esgotos da Gerência de Negócios Regional Agreste Central, além de outras gerências da companhia circunvizinhas. O núcleo de manutenção foi projetado para atender às demandas da Compesa nas atividades de manutenção e operação dos sistemas de esgotamento sanitário já implantados no município, com capacidade para atender, no futuro, os sistemas que serão implantados na cidade. Por fim, o almoxarifado regional foi construído para controle e acondicionamento de peças e tubulações utilizadas nas operações regionais de manutenção dos sistemas de saneamento urbano.

“As novas instalações serão muito importantes dentro do funcionamento da ETE Rendeiras, uma estação muito bem estruturada no Agreste e que possui um sistema de reuso implantado que fornece recurso para irrigação de áreas verdes e limpeza em geral. É mais uma conquista da população, que ganha com agilidade e confiabilidade dos serviços prestados e, sem dúvida, do meio ambiente, pois este é mais um projeto importante que se constitui como etapa do Programa de Saneamento Ambiental do Rio Ipojuca para despoluição das águas e melhoria das condições ambientais”, destacou a presidente da Compesa, Manuela Marinho.


Mais água

As fortes chuvas registradas este ano em cidades do Agreste foram determinantes para a mudança no calendário de abastecimento do município. A cidade voltará a ser atendida pelo Sistema Jucazinho a partir do final deste mês, em complemento ao Sistema Prata/Pirangi que já abastece a cidade. Com a melhoria do nível da Barragem de Jucazinho, que estava em pré-colapso desde 2015 em decorrência da escassez de chuvas, estão em curso ajustes operacionais que permitirão o abastecimento do município no regime de 5 X 5, saindo do calendário atual de cinco dias com água e dez dias sem.

“Desde novembro estamos fazendo os testes necessários. Caruaru, a partir deste mês, vai ter um volume de água de 50% a mais. Então, vamos diminuir o tempo de rodízio e, ao mesmo tempo, garantir o maior abastecimento de toda cidade a partir de todos os procedimentos que a Compesa preparou e do retorno ao abastecimento vindo de Jucazinho. A gente agora vai ter tanto Jucazinho como Prata dando condições realmente de abastecimento em tempo menor, com mais quantidade e menos rodízio aqui em Caruaru”, pontuou Paulo Câmara.


Cumaru

Ainda na região do Agreste, o governador vistoriou a rodovia PE-083, que dá acesso ao município de Cumaru. A requalificação será feita em um total de 3,5 quilômetros e vai beneficiar mais de 15 mil moradores do Agreste. Os serviços são realizados pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e contam com um investimento de R$ 2,6 milhões, devendo ser entregues à população em 60 dias. A intervenção faz parte do programa Caminhos de Pernambuco.

“Fizemos visitas importantes no dia de hoje. Estivemos em Cumaru vendo o acesso novo da cidade, que já está em obras e até o final do ano estará pronto, garantindo o ir e vir com segurança das pessoas que vão a Cumaru, uma cidade que tem se desenvolvido e tem um ir e vir de mercadorias”, ressaltou Paulo Câmara.

A secretária de Infraestrutura e Recursos Hídricos, Fernandha Batista, reforçou a importância da requalificação da estrada.  “É uma rodovia que apresentava um elevado grau de desgaste e isso foi identificado ainda em 2009, na fase de planejamento do programa. Hoje, a gente verificou a grande mobilização que ocorre no município na intenção de restabelecer toda condição de trafegabilidade da via”, afirmou.


Caminhos de Pernambuco

Lançado em maio de 2019 pelo Governo de Pernambuco, o programa vai requalificar, até 2022, 5.554, cinco quilômetros de vias em todas as regiões, representando um investimento de R$ 505 milhões. O foco está nos serviços de capinação, desobstrução dos dispositivos de drenagem, requalificação asfáltica, além de sinalização vertical e horizontal.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Resumo da semana: repercussão das eleições, gastos parlamentares e receio de novo lockdown
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 04/12
Entrevista com o governador Paulo Câmara
Um milhão de doses da CoronaVac chegam em São Paulo
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco