Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

Fiscalização

Eleições 2020 conta com atuação intensa da Polícia Federal

Publicado em: 13/11/2020 11:13

 (Foto: Agência Brasil)
Foto: Agência Brasil
A Polícia Federal atuará em todos os estados brasileiros com o intuito de garantir a tranquilidade do pleito, mediante uma atuação fiscalizatória para a prevenção e repressão de crimes eleitorais. Em Pernambuco, será empregada expressiva parte do seu efetivo, com a distribuição de equipes em diversos municípios, de acordo com o planejamento estratégico do Tribunal Regional Eleitoral.

O estado contará com uma atuação coordenada das diversas Forças de Segurança, com trabalho integrado para maior eficiência, efetividade e a otimização dos recursos. De acordo com a legislação, a presença e atuação policial está garantida em todos os municípios do estado.

Nas Eleições de 2020, pela primeira vez, e visando aumentar a segurança no certame, a Polícia Federal utilizará aeronaves remotamente pilotadas (drones) como ferramenta para inibir a prática de crimes eleitorais durante o pleito. Os equipamentos serão alocados em municípios estratégicos e irão sobrevoar as áreas críticas e algumas das principais zonas eleitorais, ajudando a fiscalizar e combater crimes como boca de urna, ue prevê detenção de 6 meses a 1 ano e multa, derrame de santinhos, que tem detenção de 6 meses a 1 ano e multa, corrupção eleitoral, punido com reclusão de até 4 anos e multa, e transporte de eleitores, com punição de reclusão de 4 a 6 anos e multa. 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
De 1 a 5: Novembro Azul chega ao fim, mas prevenção do câncer de próstata precisa ser permanente
Enem para todos com o professor Fernandinho Beltrão #276 Propagação vegetativa em plantas
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 30/11
Segundo turno em PE: João Campos é eleito prefeito do Recife
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco