Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

Reconhecimento

Diario de Pernambuco é finalista do Prêmio CNT de Jornalismo 2020

Publicado em: 09/10/2020 10:15 | Atualizado em: 09/10/2020 10:31

Alice de Souza e Anamaria Nascimento estão na final da premiação nacional. (Foto: Arquivo DP)
Alice de Souza e Anamaria Nascimento estão na final da premiação nacional. (Foto: Arquivo DP)
O Diario de Pernambuco é finalista do Prêmio CNT de Jornalismo 2020 com a reportagem As cinzas da civilização. Publicada na superedição de fim de semana do jornal dos dias 30 de novembro e 1º de dezembro de 2019, a reportagem de Alice de Souza e Anamaria Nascimento concorre na categoria Impresso. Nessa categoria, o Diario é o único veículo do Nordeste como finalista. A 27ª edição do Prêmio CNT tem, ao todo, 30 trabalhos de todo o país na final.

A matéria aborda a problemática dos incêndios a ônibus no Brasil e em Pernambuco. Os motivos das chamas ainda são um mistério, mas o episódio é parte de um fenômeno já conhecido no país. Somente em 2019, o prejuízo total do setor por causa de ônibus incendiados foi de R$ 49,9 milhões, R$ 45,6 milhões disso apenas com a reposição dos coletivos. Além de apresentar dados sobre o tema, a reportagem apresenta as visões de especialistas rodoviários e usuários do transporte público, além de trazer uma linha do tempo com os principais incêndios a coletivos no Brasil.

"De 1987 a 26 de novembro deste ano, 4.488 ônibus foram incendiados no Brasil. Os atos deixaram 20 pessoas mortas e outras 77 gravemente feridas. Só em 2019, foram 116 coletivos consumidos pelas chamas. Classificados pela Associação Nacional das Empresas de Transporte Urbano (NTU) como uma manifestação típica do país, os incêndios em ônibus ganharam notoriedade por acontecer em outras regiões do Brasil, na década de 1980", pontua a reportagem.

Leia a versão digital da matéria finalista:

Incêndios a ônibus desafiam autoridades e prejudicam passageiros

Na categoria Impresso, concorrem, além do trabalho do Diario, as reportagens A logística na pandemia, de Adriana Bernardes, do Correio Braziliense; O futuro do transporte, de Artur Rodrigues Rocha Neto, da Folha de S.Paulo; Desafio bike BH, de Guilherme Paranaíba Gouveia, do Estado de Minas, e O transporte na pandemia: superação de riscos a favor da vida, de Luiz Ribeiro dos Santos, também do Estado de Minas.

As reportagens e fotografias inscritas no Prêmio CNT, considerada a maior premiação jornalística na área de mobilidade urbana, foram validadas por uma comissão organizadora e avaliadas por um grupo de pré-selecionadores, formado por cinco jornalistas com atuação acadêmica, considerando aspectos como relevância para o setor de transporte, para o transportador e para a sociedade; qualidade editorial; criatividade/originalidade; e atualidade dos temas.

Neste ano, devido à pandemia da Covid-19, a tradicional festa de entrega da premiação, que acontece em Brasília (DF), não será realizada. Os vencedores serão anunciados em novembro. Divididos em seis categorias (Impresso, Internet, Televisão, Rádio, Meio Ambiente e Transporte, Fotografia), os trabalhos finalistas serão submetidos à avaliação da comissão julgadora do prêmio, composta por jornalistas com larga experiência na imprensa e por um especialista em transporte.

Fazem parte do corpo de jurados: Cid Martins, repórter especial da Rádio Gaúcha e vencedor do Prêmio CNT de Jornalismo em cinco ocasiões; Conrado Corsalette, editor-chefe do Nexo Jornal; Guilherme Amado, colunista da revista Época e da rádio CBN e vice-presidente da Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji); Leonardo Cavalcanti, editor-chefe do SBT News e vencedor do CNT por quatro anos; e Leise Kelly de Oliveira, professora associada no Departamento de Engenharia de Transportes e Geotecnia da  Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Confira a lista completa de finalistas do prêmio:

FOTOGRAFIA

“Transportadores de carga enfrentam a covid-19 para evitar desabastecimento” - Daniel Ferreira, Metrópoles

“Sem opção de distanciamento” - Domingos Peixoto, Jornal Extra

“No Rio, o vírus pega carona e passa do ponto” - Domingos Peixoto, Jornal Extra

“Do temor ao alívio” - Myke Sena, Metrópoles

“Confrontos, pânico e mortes no Rio” - Reginaldo Pimenta, Jornal O Dia

IMPRESSO

“A logística na pandemia” - Adriana Bernardes, Correio Braziliense

“As cinzas da civilização” - Alice de Souza e Anamaria Melo do Nascimento, Diario de Pernambuco

“O futuro do transporte” - Artur Rodrigues Rocha Neto, Folha de S.Paulo

“Desafio bike BH” - Guilherme Paranaíba Gouveia, Estado de Minas

“O transporte na pandemia: superação de riscos a favor da vida” - Luiz Ribeiro dos Santos, Estado de Minas

INTERNET

“Trilhos contra a crise” - André Borges, Estado de S.Paulo

“Como tirar o transporte público de Porto Alegre do caminho do abismo” - Caue de Vargas Fonseca, GaúchaZH

“Invisíveis no banco da frente” - Manoela Alcântara, Metrópoles

“Transporte do futuro” - Rafaela Rodrigues Borges, UOL

"O Brasil que não parou" - Raphael Garcia Veleda, Metrópoles

MEIO AMBIENTE E TRANSPORTE

“Atropelamentos podem antecipar extinção de espécies da fauna brasileira” - Adele Machado Santelli, National Geographic Brasil

“O futuro supersônico - os desafios dos novos aviões mais rápidos do mundo” - Nancy Dutra, Fantástico (TV Globo)

“Vidas na pista - Travessia dos inocentes” - Simone Kafruni, Correio Braziliense

“Carro polui 7 vezes mais do que ônibus” - Thayanne Magalhães, Tribuna Independente (AL)

“Sustentabilidade: o caminho do transporte pós-pandemia” - Walder Lima Galvão, Correio Braziliense

RÁDIO

“Na boleia do caminhão” - Gabriela Viana, CBN

“Desafios sobre duas rodas” - Leandro Reis Santos de Gouveia, CBN

“A cobradora simpatia - Podcast Jornadas” - Natália Sayuri Suzuki, Repórter Brasil

“Mobilidade e pandemia: aonde vamos chegar?” - Rodrigo Serpa, CBN

“O futuro da mobilidade conectada” - Alex Ruffo e Vinícius Silva, Jovem Pan

TELEVISÃO

“Transporte em tempos de coronavírus” - Flávia Peixoto, TV Brasil (EBC)

“Repórter Justiça – a maior crise da história do transporte brasileiro” - Marcela Luiza Alves Rodrigues, TV Justiça

“Estradas do bem” - Patrícia Alline Godoy, TV Record

“Família destruídas por brigas de trânsito” - Pedro Rockenbach, Fantástico (TV Globo)

“Rota do terror – rodovias viram terra sem lei” - Pedro Rockenbach, Fantástico (TV Globo)  
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Rhaldney Santos entrevista Dr. Felipe Dubourcq, urologista
Polícia Federal vai usar drones para fiscalizar irregularidades nas eleições
Rhaldney Santos entrevista Dr. João Gabriel Ribeiro, neurocirurgião
Rhaldney Santos entrevista Armando Sérgio (Avante)
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco