Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

Patrimônio

Concatedral de São Pedro dos Clérigos vai fechar para reforma

Publicado em: 13/08/2020 08:09

 (Foto: Pascom AOR)
Foto: Pascom AOR
A concatedral de São Pedro dos Clérigos, no Pátio de São Pedro, no Recife, vai passar por obras. A igreja ficou fechada entre 2013 e 2016, quando foi restaurada a parte de engenharia civil do templo, como coberta, instalações elétricas, hidro-sanitárias, esquadrias e pintura externa. Agora serão restaurados os bens imóveis e integrados, na parte interna da igreja.

Segundo a superintendente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) de Pernambuco, Renata Borba, os bens integrados referem-se à parte não estrutural. “É a parte de adorno, como se diz popularmente, como forro da nave, altares laterais e capela-mor”, disse. As imagens dos santos são considerados bens móveis e não serão restauradas neste projeto.

“Esse é um dos monumentos mais importantes do Brasil”, disse Renata. “A pintura de João de Deus Sepúlveda (no forro) é referência para pesquisadores do mundo inteiro. Temos nas mãos a oportunidade de resgatar um patrimônio da cidade e do Brasil”, afirmou.

A obra vai acontecer a partir de uma parceria entre o Iphan e a Arquidiocese de Olinda e Recife. Por iniciativa do padre Rinaldo Pereira, à época à frente da Comissão Arquidiocesana de Restauro, um projeto foi feito e doado ao Iphan. A empresa RC Restaurações e Construções, do estado da Bahia, ganhou a licitação do Iphan para executar a restauração da concatedral, que deve durar 16 meses e envolver cerca de 30 profissionais da área. Os andaimes e o canteiro de obras já estão sendo montados.

Em missa que marcou o início do restauro, nesta quarta-feira (12), ao meio dia, na concatedral de São Pedro dos Clérigos, dom Fernando Saburido fez memória do titular da igreja, São Pedro. “Que este templo seja expressão de unidade, ligando a terra ao céu”, disse o arcebispo. “Que esta concatedral possa mostrar novamente sua beleza e receber o reconhecimento da comunidade, com a volta das pregações e da participação do povo, porque temos um carinho especial por este templo onde habita a Trindade”, completou.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão
Brasil é vítima de desinformação sobre meio ambiente, diz Bolsonaro
Rhaldney Santos entrevista o empreendedor digital Harry Thorpe, criador da plataforma Miauu
Rhaldney Santos entrevista a ginecologista Altina Castelo Branco
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco