Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

LOCKDOWN

Ilha de Itamaracá renova restrição de entrada no município

Publicado em: 05/07/2020 12:39 | Atualizado em: 05/07/2020 13:48

Até o fim do mês, só poderá entrar quem comprovar que trabalha ou mora na cidade. (Foto: James Paiva / Prefeitura de Itamacará)
Até o fim do mês, só poderá entrar quem comprovar que trabalha ou mora na cidade. (Foto: James Paiva / Prefeitura de Itamacará)
Ao contrário do que vem acontecendo na maior parte dos municípios da Região Metropolitana do Recife, a prefeitura de Itamaracá, no litoral Norte, decidiu endurecer as medidas de restrição de acesso à ilha. O decreto anterior que determinava a limitação do acesso aos moradores e trabalhadores locais, em vigor desde o dia 21 de março e prorrogado no dia 28 de maio, encerrava-se no dia 30 de junho e foi renovado por mais 30 dias. De acordo com a determinação, cujo objetivo é evitar a disseminação do novo coronavírus, a entrada na cidade está restrita apenas a quem comprovar que mora ou trabalha no município.

De acordo com o decreto, a barreira sanitária continua localizada na Ponte Getúlio Vargas, no posto do BRT, único acesso terrestre à ilha, ou pelos pontos de desembarque fluvial ou marítimo. O decreto assinado pelo prefeito Mosar Tato (PSB) é válido para quem circula pé, em veículos terrestres ou aquáticos e determina que só quem pode ter acesso ao local são pessoas com vínculos empregatícios ou residenciais. Quem não comprovar a necessidade de entrar na cidade, é orientado a retornar.  “Estamos conseguindo normalizar esta curva. Tivemos apenas um óbito no mês de junho e fomos a única cidade com este dado. O decreto vale até o dia 30 de julho mas, a depender dos números, pode haver flexibilização. A priori, entretanto, a ideia é manter a data e, a partir do final do prazo, abrir gradualmente o acesso à ilha”, afirmou o secretário de comunicação do município, James Paiva.

Desde o primeiro decreto de restrição táxis, kombis e veículos de transporte por aplicativo que já circulam no município foram adesivados para que seus condutores possam trabalhar. Ainda que portando a adesivação, eles também precisam apresentar  documento que comprove o vínculo de residência ou de trabalho.

Até o sábado (4), havia 137 confirmações para a doença na cidade, além de seis mortes. Do total de casos confirmados, 98 tiveram cura clínica comprovada. Já Pernambuco confirmou, até esta data,  1.095 novos casos de coronavírus no estado. Com isso, há 63.457 pacientes com a Covid-19, desde o início da pandemia. Além disso, foram confirmadas 48 novas mortes de pessoas que tiveram a doença, totalizando 5.116 óbitos desde o dia 25 de março. Os números são da Secretaria Estadual de Saúde (SES).





Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão #Aulão: tudo sobre botânica
Rhaldney Santos entrevista a oftalmologista Larissa Ventura
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão #259 O que é uma planta?
Rhaldney Santos entrevista o desembargador do TJPE Erik Simões
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco