Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Notícia de Local

Educação

UPE recebe aumento de 26% no orçamento para 2019

Publicado em: 14/05/2019 19:40 | Atualizado em: 14/05/2019 20:14

Para 2019, a instituição contará com R$ 27,2 milhões. Foto: Marlon Diego/Esp.DP.
Enquanto o governo federal anunciou, no último dia 30, cortes de 30% nos orçamentos das universidades e institutos federais, o que reduziu em R$ 131 milhões as verbas das instituições em Pernambuco; o Executivo estadual aumentou em 26% o montante financeiro da Universidade de Pernambuco (UPE). 

Nesta terça-feira (14), o governador Paulo Câmara autorizou o aumento de 26% no custeio da instituição, em relação ao valor empenhado no ano passado. Em 2018, o orçamento da UPE foi de R$ 21,6 milhões. Para 2019, a instituição contará com R$ 27,2 milhões. "Educação é a maior prioridade da nossa gestão. Pernambuco e o Brasil só vão superar esta crise, que vem desde 2014, investindo do ensino básico ao superior. Por isso, estamos não só assegurando os recursos da UPE, como também ampliando o orçamento da nossa universidade", disse o governador.

O secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação de Pernambuco, Aluisio Lessa, destacou que o reforço no custeio da UPE vai contribuir para o cumprimento da função estratégica da universidade, contribuindo também para o crescimento da instituição e para o desenvolvimento do estado. "Essa é uma medida que garante o incentivo do estado na ciência e inovação. Apostamos que este é o caminho para vencer as dificuldades do mundo moderno", afirmou.

O reitor da UPE, Pedro Falcão, deve se reunir em junho com deputados. Foto: Peu Ricardo/DP.
A reitoria da UPE articula ainda um encontro com a bancada federal de Pernambuco na Câmara dos Deputados para a captação de recursos por meio de emendas parlamentares com o objetivo de dar continuidade ao avanço da universidade. A previsão é de que a reunião aconteça em junho. "A reitoria vem trabalhando para o fortalecimento e consolidação da única instituição pública universitária do estado. O governador Paulo Câmara é bastante sensível em relação à importância da universidade que gera e dissemina conhecimento do Litoral ao Sertão pernambucano", destaca o reitor da UPE, Pedro Falcão.

A UPE está presente em todas as regiões do estado por meio de um complexo multicampi, formado por 15 unidades pelo Recife e Região Metropolitana, além de Nazaré da Mata, Caruaru, Garanhuns, Arcoverde, Salgueiro, Petrolina, Serra Talhada e Palmares. A instituição tem 14.224 estudantes de graduação; 3.767 alunos de pós-graduação; 17.425 matriculados em programas especiais, como o Programa de Línguas e Informática (Prolinfo), e 1.031 professores. São oferecidos 61 cursos de graduação, sendo 56 presenciais e cinco a distância, e 132 de pós-graduação.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Maria, mãe de um povo ferido
Confira a estreia do programa In set
Educação humanizadora e não violência nas escolas
João e os 50 anos de colunismo social
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco