Diario de Pernambuco
Busca

Tecnologia

Prefeitura agrega 81 serviços do Governo Federal no Conecta Recife

Entre os serviços agora encontrados na plataforma, estão Seguro Desemprego, Certidão de Regularidade Fiscal, Emissão de Passaporte e Inscrição no Cadastro Único

Publicado em: 21/03/2024 18:43

Prefeitura do Recife firmou acordo com o Governo Federal para disponibilizar 81 serviços públicos de atribuição nacional no Conecta Recife (Gilberto Luiz/PCR)
Prefeitura do Recife firmou acordo com o Governo Federal para disponibilizar 81 serviços públicos de atribuição nacional no Conecta Recife (Gilberto Luiz/PCR)
A Prefeitura do Recife firmou acordo com o Governo Federal para disponibilizar 81 serviços públicos de atribuição nacional no Conecta Recife, plataforma digital que unifica a prestação de serviço do município à população. O hub também já agregava funções de entidades como a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), a Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) e o Governo do Estado.

Agora, ao acessar o Conecta pelo site, aplicativo para celular ou através do whatsapp, poderá buscar por serviços como seguro desemprego, cadastro no MEI, emissão de certidões (como a de regularidade fiscal e de tempo de contribuição), solicitar a emissão do passaporte e se inscrever no CadÚnico. Segundo o secretário executivo de Transformação Digital, Felipe Cadena, a parceria nasceu devido a demanda da população indicada nas pesquisas feitas pelos usuários na plataforma.

"Monitoramos o feedback da população. Muita gente buscava serviços que não estavam relacionados ao município, mas aos governos federal e estadual. E não é papel da população identificar quem é responsável por cada serviço ou imposto. O cidadão está lá porque confia na plataforma, mas nos vimos na responsabilidade de trazer esses serviços para a população”, disse Cadena.

Os serviços são categorizados por temas, seguindo a organização tradicional da plataforma, independente de quem os presta. Ainda assim, o Conecta também informa qual entidade é responsável pelo serviço utilizado pelo usuário.

“Firmamos a parceria com o Governo Federal com a ideia de trazer tudo para o Conecta, colocando uma tag dizendo que é um serviço do Gov.br. Não queremos gastar esforços apenas dizendo onde está o serviço, nós disponibilizamos na plataforma", explicou.

Em entrevista ao Diário de Pernambuco, Cadena teve dificuldade em esconder a empolgação e envolvimento com o tema, e explicou os ideais por trás do projeto que usa tecnologia para alcançar a população e modernizar a prestação de serviços na capital.

"O Conecta começou com uma centena de serviços no aplicativo. Contratamos uma empresa para criar um site pensado para a experiência simplificada do usuário, resolvendo tudo em três cliques. Nós queríamos aproximar a população da Prefeitura, e depois nossa missão se tornou simplificar essa relação”, contou.

Segundo Cadena, o próximo passo para essa simplificação é aumentar a proatividade na comunicação com a população, seja no oferecimento de um dever, ou na informação sobre um direito. "Nesse sentido de governo como plataforma, queremos expandir para outras áreas, já que tem muita gente no Conecta. Estamos com o projeto Governo a Zero Cliques, com o intuito de ser proativo e entregar serviços antes que o povo peça”, afirmou.

O segredo para o sucesso dessa iniciativa é a Central de Notificações do Conecta Recife, onde o usuário pode selecionar quais serviços e temas deseja ser notificado, seja através do aplicativo instalado no celular, ou pelo Whatsapp. Um exemplo dado por Cadena como a notificação mais comum entre os recifenses é a Agenda Cultural do município, que envia informes sobre eventos culturais acontecendo na cidade aos interessados.

"Temos cerca de 260 mil pessoas cadastradas na nossa Central de Notificações, e que podem receber esses serviços de forma proativa. Podemos chegar na casa das pessoas mostrando o que elas têm direito. A máxima do prefeito [João Campos] é que não podemos fazer nenhum tipo de autopromoção, como mostrar inaugurações na cidade, apenas entrega de serviço. Por isso crescemos tanto”, informou.

Inteligência Artificial

Para o futuro próximo, o objetivo da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Recife é melhorar sua acessibilidade, especialmente se tratando da plataforma pelo Whatsapp. Para isso, a ideia é criar o Conecta Zap 2.0, em parceria com a Meta, proprietária do aplicativo de mensagens, para usar inteligência artificial que se comunique com o usuário através de áudios - segundo Cadena, uma grande demanda da população.

Interatividade

Outro diferencial da plataforma é que não apenas conecta a população à Prefeitura e outras entidades, mas interliga a sociedade civil com projetos como o “Adota Pet”, que põe pessoas interessadas em adoção de animais com ONGs e o Centro de Vigilância Ambiental (CVA) para adotar algum dos pets resgatados, já com vacinas em dia; e o “Se Mexe Comigo”, que une pessoas buscando companhia para realizar atividades físicas.

Outro serviço é o “GO Recife”, que direciona pessoas em busca de emprego a quem oferece vagas, além de autônomos em busca de serviços. Segundo Cadena, o projeto foi reformulado após críticas dos usuários, e hoje é referência para o país.

“O Go Recife 2.0 está pronto para ser instalado em outras prefeituras. A Emprel (Empresa Municipal de Informática) pode comercializar soluções com outros entes públicos, e hoje o projeto está em Belo Horizonte, prometido para São Paulo, Rio de Janeiro e Aracajú, e sendo vendido para Curitiba”, disse o secretário.

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL