Diario de Pernambuco
Busca

ELEIÇÕES 2022

De olho no eleitorado evangélico, candidatos ao Governo de Pernambuco cortejam a Assembleia de Deus

Publicado em: 02/08/2022 21:00 | Atualizado em: 02/08/2022 22:00

 (Foto: reprodução/redes sociais)
Foto: reprodução/redes sociais
Contando com cerca de 1,5 milhão de fiéis em Pernambuco, a Assembleia de Deus possui um sem-número de templos espalhados pelo estado e força suficiente para eleger seus representantes a cargos públicos. Maior igreja evangélica do país, os templos da congregação pentecostal têm sido destinos frequentes dos candidatos que buscam atrair o eleitorado evangélico na corrida pelo Palácio do Campo da Princesas. 

O exemplo mais recente disso ocorreu nesta segunda-feira (1). Miguel Coelho (UB) visitou o Templo Central da denominação, no centro do Recife, ao lado da esposa, da candidata a vice-governadora na sua chapa, Alessandra Vieira (UB), e de Carlos Andrade Lima (UB), candidato ao Senado. Na oportunidade, o ex-prefeito de Petrolina entregou uma carta de compromisso ao pastor Ailton José Alves, presidente da igreja em Pernambuco. Na “Carta ao Povo de Deus de Pernambuco”, Miguel afirmou ser contrário à prática do aborto e à legalização das drogas, e defendeu a parceria do Estado com as igrejas na recuperação de dependentes químicos. 

Além dessas questões, o documento tratou de detalhar os planos do candidato do União Brasil para áreas como educação, saúde e geração de empregos. “O povo de Petrolina já conhece minha história e valores, mas agora me apresento para os cristãos de todo o estado. Então, tomamos a iniciativa de falar desses compromissos com todas as lideranças religiosas pernambucanas”, disse Miguel, que é católico.

Esta não é a primeira vez que o candidato do União Brasil visita o Tempo Central da Assembleia. Em julho, ele esteve no local e assistiu ao coral da igreja na companhia de Alessandra. No mesmo mês, o ex-prefeito de Petrolina foi recebido pelos assembleianos em Caruaru.

Antes disso, em abril, Raquel Lyra (PSDB) participou de um culto na matriz da IEAD e esteve presente no Congresso de Mulheres da igreja, em Araçoiaba. No mesmo mês, a ex-prefeita de Caruaru compareceu a um encontro da Assembleia de Deus Madureira, no Recife – o Ministério de Madureira é fruto de uma dissidência da Assembleia ocorrida nos anos 1950 e responde a outra convenção. Desde abril, no entanto, Raquel não participa de eventos da instituição.

Católica como Miguel, Marília Arraes (SD) tem investido menos nas agendas religiosas. A pré-candidata do Solidariedade participou, em junho, de um jantar com pastores de várias denominações na cidade do Paulista. Este foi o único encontro dela com o segmento. Também com pouca disposição para acenar aos evangélicos, Danilo Cabral (PSB) visitou, em março, o Templo Central da IEAD ao lado do deputado federal Eduardo da Fonte (PP). Apesar disso, Danilo possui um ativo importante dentro da Frente Popular: o Republicanos, partido ligado à Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), presidido no estado pelo deputado Silvio Costa Filho.

Os esforços dos demais candidatos, porém, estão longe de fazer sombra à presença do clã Ferreira, que tem um dos seus herdeiros como candidato ao governo do estado. Anderson Ferreira (PL) é filho do pastor e deputado estadual Manoel Ferreira (PL). Durante a pré-campanha, o ex-prefeito de Jaboatão dos Guararapes esteve em várias cerimônias da IEAD, na capital pernambucana e em cidades do interior, como Caruaru e Petrolina, ampliando sua zona de influência. Os ministérios de Madureira e de Abreu e Lima (que também surgiu após desavença) também abriram as portas para o candidato do PL. 

No último domingo (31), após a oficialização da sua candidatura ao Governo de Pernambuco, Anderson foi mais uma vez ao Templo Central, desta vez para o Congresso de Jovens da IEADPE. "Fé e trabalho são duas palavras que sintetizam toda nossa vocação e motivação de servir. A fé move montanhas e essa fé tem guiado nossa trajetória", sintetizou.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL

Bolsonaro tenta tirar celular da mão de influenciador que o questionava

18/08/2022 às 14h20

Como votar nas eleições 2022: guia com regras, datas e novidades

18/08/2022 às 14h15

Frente inter-religiosa publica nota de repúdio a Michele Bolsonaro

18/08/2022 às 14h00

Eleições 2022: o que acontece com quem não votar ou justificar ausência

18/08/2022 às 13h50

Ministro do TSE manda tirar do ar publicações de Damares sobre Lula

18/08/2022 às 12h08

Lista de convidados da posse de Moraes no TSE repercute no meio político

18/08/2022 às 08h47

Bolsonaro participa do lançamento da candidatura de Tarcísio em SP

18/08/2022 às 08h32

'Estou mais experiente, sei o que é governar e como governar', diz Lula

18/08/2022 às 08h28

Lula sobre corrupção: 'No meu governo houve investigação e transparência'

17/08/2022 às 22h54

'Os servidores terão reajuste no ano que vem', promete Bolsonaro

17/08/2022 às 22h32

Bolsonaro promete zerar impostos sobre combustíveis também em 2023

17/08/2022 às 22h24

PF afirma que Bolsonaro incitou crime ao relacionar vacina e Aids

17/08/2022 às 22h16

Soraya Thronicke propõe substituir impostos federais por um só tributo

17/08/2022 às 21h11

Vera Lúcia quer garantia de igualdade na disputa eleitoral

17/08/2022 às 21h02

Sofia Manzano defende investimentos em instituições públicas

17/08/2022 às 20h59

Felipe D%u2019Avila defende melhora do ensino básico

17/08/2022 às 20h56

Câmara do Rio rejeita recurso de vereador contra pedido de cassação

17/08/2022 às 20h39

STF retoma julgamento sobre nova Lei de Improbidade

17/08/2022 às 20h37