Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

INVESTIGAÇÃO

Polícia Federal pede prisão preventiva de homem que ameaçou ministros e PT

Publicado em: 31/07/2022 11:31

Preso temporariamente, Ivan Rejane disse que caçaria a esquerda brasileira e penduraria ministros do Supremo "de cabeça para baixo" (Crédito: Reprodução/Redes sociais)
Preso temporariamente, Ivan Rejane disse que caçaria a esquerda brasileira e penduraria ministros do Supremo "de cabeça para baixo" (Crédito: Reprodução/Redes sociais)

A Polícia Federal (PF) recomendou, ao Supremo Tribunal Federal (STF), a prisão preventiva de Ivan Rejane Fonte Boa Pinto, detido em Belo Horizonte por ameaças aos magistrados da Suprema Corte. O pedido foi assinado pelo delegado da PF Fábio Alvarez Shor e será analisado por Alexandre de Moraes, relator do inquérito das fake news.

 

Caso a preventiva seja decretada, o investigado pode ficar encarcerado por prazo indeterminado. Ivan Rejane cumpre prisão temporária por determinação do ministro Alexandre de Moraes.

 

A PF diz que conduta de Ivan Rejane está "inserida em um contexto mais abrangente de acirramento dos ânimos, do estímulo ao enfrentamento a oponentes políticos e de tentativas de enfraquecimento do Poder Judiciário, o qual inclusive é incumbido da realização do pleito eleitoral que se avizinha".

 

O investigado publicou um vídeo nas redes sociais na última quarta-feira intitulado de “7 de Setembro de 2022”. Ele fala ainda que Lula deve andar “armado até o talo” porque ele e a direita “vão caçar ele e Gleisi Hofmann”. O homem também ameaça o deputado Marcelo Freixo (PSB-RJ) e diz que os ministros da Corte devem sair do Brasil.

 

“Principalmente, esses vagabundos do STF. Se eu fosse você, Barroso, Fachin, Fux, Moraes, Lewandowski, Mendes, eu ficava (sic) nos Estados Unidos, na Europa, em Portugal. Até Cármen Lúcia, Rosa Weber. Sumam do Brasil! Nós vamos pendurar vocês de cabeça para baixo [...] Nós, brasileiros, cidadãos de bens (sic), não toleramos”, disse em um trecho do vídeo, seguido de uma sequência de palavrões.

 

Ivan Rejane Fonte Boa Pinto, 46 anos, foi candidato a vereador em Belo Horizonte em 2020 e teve 189 votos. Ele se apresenta como "terapeuta" para dependentes químicos e mantém um canal no YouTube. Os vídeos são repletos de xingamentos e ofensas a políticos de esquerda, a quem ele associa a existência do narcotráfico, e os ministros do Supremo, que, segundo ele, "mandam soltar esses vagabundos". 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Manhã na Clube: entrevistas com dr. Heitor Medeiros e André Navarrete (Innovation Meeting)
Em busca de água, indígenas brasileiros encontram novo lar
Manhã na Clube: entrevista com Carlos Veras (PT), deputado federal
China executa maiores exercícios militares em décadas
Grupo Diario de Pernambuco