Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

ELEIÇÕES 2022

'Petrobras terá preços abrasileirados', promete Lula em evento no Pernambuco

Publicado em: 20/07/2022 22:21

 (Foto: RICARDO STUCKERT)
Foto: RICARDO STUCKERT
O ex-presidente Lula, em agenda no interior de Pernambuco, em Garanhuns, nesta quarta-feira (20), provocou a população a decidir por uma causa para o Brasil. No discurso, Lula convidou o povo pernambucano a pensar na construção de um projeto de transformação nacional para o futuro.

“Todo ser humano, mulher ou homem, tem que ter uma causa. A primeira decisão foi não esquecer de que lado eu estava e quem eu representava quando cheguei à Presidência. Eu pensei, o que eu quero para o Brasil? Quero um país soberano, que tome conta das suas fronteiras terrestres, marítimas, da área espacial. Que cuide das suas riquezas minerais, as que estão no solo e subsolo, na água e no fundo, como o pré-sal, encontrado a quase 7 mil metros de profundidade”, disse.

Lula citou os projetos sociais que geriu em seus mandatos — voltados, segundo o pré-candidato — para o povo do Nordeste e do Norte.

“Esse país vai voltar a crescer, o BNDES vai voltar a financiar emprego e desenvolvimento, com o Banco do Brasil, a Caixa Econômica vai financiar habitação e saneamento básico, vamos recuperar o BNB (Banco do Nordeste) e o Base (Banco da Amazônia), a Petrobras terá preços abrasileirados”, assegurou.

Como promessa para o futuro, incentivou a retomada de alguns deles, como o Minha Casa, Minha Vida. Lula também ironizou que as pessoas estariam livres para escolher a cor do seu lar, em referência ao programa habitacional de Bolsonaro, chamado Casa Verde e Amarela.

Bolsonaro

O petista também atacou as últimas movimentações do atual presidente, Jair Bolsonaro (PL), para aprovar benefícios sociais antes das eleições. “Ele resolveu criar programa de três meses, até dezembro, resolver dar dinheiro para taxista, para motorista, aumentou para R$ 600 [o Auxílio Brasil]. Não fiquem se fazendo de bobo’’, pediu.

Lula criticou os ataques de Bolsonaro às urnas eletrônicas, que ocorreram na última segunda-feira (18), em uma reunião com embaixadores. Ele lembrou que mesmo causando desconfiança, o chefe do Executivo quer que votem nele.

“Esse país vai ser construído a partir de vocês. Não pensem que o que vai garantir é discurso. Não. O que vai garantir é o que está na cabeça de vocês. Não aceitem fake news, não aceitem mentiras”, afirmou.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Manhã na Clube: entrevistas com dr. Heitor Medeiros e André Navarrete (Innovation Meeting)
Em busca de água, indígenas brasileiros encontram novo lar
Manhã na Clube: entrevista com Carlos Veras (PT), deputado federal
China executa maiores exercícios militares em décadas
Grupo Diario de Pernambuco