Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

ELEIÇÕES 2022

Datafolha: 73% do eleitorado diz que há corrupção no governo Bolsonaro

Publicado em: 29/07/2022 19:18

 (Foto: MAURO PIMENTEL)
Foto: MAURO PIMENTEL
A nova rodada de pesquisa do Datafolha mostrou que 73% do eleitorado acredita que existe corrupção no governo de Jair Bolsonaro (PL). A avaliação é pior entre quem reprova (94%) o governo, mas também apresenta um alto índice entre os jovens (86%).
 
A mesma pesquisa também mostrou Bolsonaro em segundo lugar na disputa ao Palácio do Planalto, com 28%, enquanto o líder na pesquisa, Lula, acumula 47%. 

Apesar do chefe do Executivo ter se enrolado com a principal bandeira da campanha de 2018 — o combate à corrupção —, as eleições deste ano não devem ter o tema entre as prioridades. A saúde é a principal preocupação de 20% dos brasileiros, principalmente após a pandemia da covid-19, onde o presidente Bolsonaro enfrentou diversas avaliações negativas — inclusive o desgaste eleitoral de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) no Senado Federal sobre o tema. 

A economia foi apontada como a principal preocupação para 13% do eleitorado. Em seguida aparecem o desemprego (10%), a fome/miséria (10%) e inflação (9%). 

Outro ponto sensível para Bolsonaro, a educação — área onde recentemente explodiu o escândalo de corrupção no MEC — é o tema prioritário de 9% do eleitorado. A violência urbana, outra bandeira forte do presidente, é o tema apontado por 6%.

A corrupção foi elencada como um tema de destaque nas eleições por apenas 3%. 
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Manhã na Clube: entrevistas com dr. Heitor Medeiros e André Navarrete (Innovation Meeting)
Em busca de água, indígenas brasileiros encontram novo lar
Manhã na Clube: entrevista com Carlos Veras (PT), deputado federal
China executa maiores exercícios militares em décadas
Grupo Diario de Pernambuco