Diario de Pernambuco
Busca

SAÚDE

Bolsonaro discute assistência médica e hospitalar no Brasil com CFM

Publicado em: 27/07/2022 13:15

 (crédito: Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil)
crédito: Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil
O presidente Jair Bolsonaro (PL) participa, na manhã desta quarta-feira (27), de uma reunião na sede do Conselho Federal de Medicina (CFM) em Brasília com lideranças médicas para discutir temas relacionados à assistência médica e hospitalar no Brasil.

Acompanhado do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga e integrantes da Frente Parlamentar da Medicina (FPMed), como o deputado Hiran Gonçalves (PP-AM), presidente do grupo, e o senador Marcos Rogério (PL-RO), Bolsonaro se encontrará com o presidente do Conselho, José Hiran da Silva Gallo, e demais conselheiros federais de medicina. Também participam do encontro representantes dos conselhos regionais de medicina (CRMs) e de outras entidades nacionais da categoria.

Entre as pautas abordadas, informou o CFM em nota, "estão pontos considerados fundamentais para a melhoria das condições do atendimento da população do país, em especial da parcela que depende exclusivamente do Sistema Único de Saúde (SUS)".

"Para a superação desse objetivo, o CFM defende pontos como a valorização do trabalho médico por meio de políticas públicas específicas, o reforço da infraestrutura de atendimento em hospitais e postos de saúde; e o aumento da participação do Estado nos investimentos em saúde. Além disso, o Conselho Federal de Medicina considera necessário qualificar o processo de formação de futuros médicos”, apontou.

Piso dos enfermeiros
 
Ontem (27), Bolsonaro se reuniu com o ministro da Economia, Paulo Guedes; o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga e o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, no Palácio do Planalto para discutir a sanção do piso da enfermagem. A proposta define os valores de R$ 4.750 para os enfermeiros, R$ 3.325 para técnicos de enfermagem, e R$ 2.375 para auxiliares de enfermagem e parteiras. O projeto foi encaminhado para Bolsonaro no último dia 15 de julho, que tem até 4 de agosto para sancionar ou vetar o projeto.

No último dia 15, em Juiz de Fora, o presidente acenou que deverá sancionar. “A gente vai ter 15 dias para decidir a questão do piso com orientação do Queiroga, a ideia é sancionar. Vamos fazer o que for melhor da nossa parte”, afirmou na ocasião.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL

Pesquisa Ipec mostra Marília à frente na disputa pelo governo

15/08/2022 às 21h25

Bolsonaro, Lula, Ciro e Tebet confirmam presença na posse de Moraes no TSE

15/08/2022 às 21h02

1,6 mil militares receberam benefícios de mais de R$ 100 mil ao ano

15/08/2022 às 20h20

Congresso tem mais de 9,3 mil candidatos ao Legislativo em outubro

15/08/2022 às 19h04

Bolsonaro abre campanha em Juiz de Fora nesta terça

15/08/2022 às 19h00

Moraes dá 5 dias para governo se manifestar sobre combate à varíola do macaco

15/08/2022 às 18h16

Senadora Simone Tebet apresenta plano de governo no último dia do prazo

15/08/2022 às 18h12

Marília Arraes inicia campanha de rua em Roda de Fogo, comunidade ligada à Arraes

15/08/2022 às 17h48

Danilo Cabral escolhe o bairro de Brasília Teimosa para realizar 1º ato oficial da campanha

15/08/2022 às 17h36

Pros retira candidatura de Pablo Marçal e confirma apoio a Lula

15/08/2022 às 17h05

Eymael oficializa candidatura à Presidência da República

15/08/2022 às 17h00

Bolsonaro e Lula devem ter primeiro encontro em posse de Moraes no TSE

15/08/2022 às 16h55

STF dá prazo para União e estados detalharem combate à monkeypox

15/08/2022 às 16h50

Humberto Costa vai coordenar a campanha de Lula em Pernambuco

15/08/2022 às 16h17

Inelegível, Witzel quer voltar ao governo do RJ pelo Partido da Mulher

15/08/2022 às 16h05

Eduardo Bolsonaro reclama da Anvisa por máscaras em voos: 'Será eterna?'

15/08/2022 às 16h00

Próximo presidente só fará reformas se desistir da reeleição, diz Tebet

15/08/2022 às 14h40

Senado: deputado do PT fica com a primeira suplência na chapa de Silveira

15/08/2022 às 14h35