Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

Miguel Coelho defende saneamento básico como prioridade do seu governo

Publicado em: 16/06/2022 17:59

 (Foto: Jonas Santos)
Foto: Jonas Santos
Miguel Coelho (União Brasil) cumpriu agenda no Litoral Sul pernambucano nesta quinta-feira (16) e destacou, durante a passagem por  Sirinhaém, Rio Formoso e Tamandaré, municípios afetados pela falta d’água e de saneamento, que tem o compromisso de reestruturar a Compesa para fazer investimentos em abastecimento e esgotamento sanitário. 

Para o pré-candidato ao governo do estado, é urgente a ampliação dos investimentos para acelerar a implantação de sistema de esgotamento em todas as regiões pernambucanas.“Quando fui prefeito de Petrolina, beneficiamos 45 mil pessoas com uma única obra. Petrolina é a cidade mais saneada de Pernambuco e está entre as 20 do Brasil. A gente defende a concessão da Compesa para a iniciativa privada para que possamos fazer os investimentos necessários, acabar com o racionamento e o rodízio de água, e principalmente para fazer chegar o saneamento na porta das pessoas”, relembrou Miguel.

O ex-prefeito de Petrolina ainda afirmou que a iniciativa também se relaciona com a preservação do meio ambiente, citando a situação do rio Sirinhaém, que, mesmo poluído, tem as águas captadas pela Compesa. ‘’Saneamento básico é questão de dignidade humana. A gente precisa enfrentar essa pauta e esse é um compromisso, uma bandeira que vamos defender com muito afinco junto com o abastecimento de água”, disse.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Suspeito de ataque a tiros com seis mortos é detido nos EUA
Manhã na Clube: entrevistas com o pastor Wellington Carneiro e Alexandre Castelano
Planta gigante, prima da vitória-régia, é descoberta em Londres
Manhã na Clube: entrevistas com a deputada estadual Teresa Leitão (PT) e Juliana César
Grupo Diario de Pernambuco