Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

PLANALTO

Bolsonaro diz que jamais denunciaria o blogueiro Allan dos Santos

Publicado em: 15/06/2022 14:10

 (crédito: Planalto/ reprodução
)
crédito: Planalto/ reprodução
O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou que, se tivesse encontrado com o blogueiro Allan dos Santos em sua passagem pelos Estados Unidos na semana passada, teria apertado a mão dele. Na avaliação do presidente, o blogueiro não cometeu nenhum crime.

“O pessoal me processa por tudo, tudo é notícia-crime. Um parlamentar me processando porque eu vi o Allan dos Santos nos EUA. Olha, eu não vi ele, se eu tivesse visto, teria apertado a mão dele. Jamais ia denunciar. Ele não cometeu nenhum crime. Para o (ministro do Supremo Tribunal Federal) Alexandre de Moraes, ele é criminoso. Para mim ele não é, ponto final", disse em entrevista à jornalista Leda Nagle nesta quarta-feira (15).

No sábado (11), em um dos últimos compromissos nos Estados Unidos, Bolsonaro discursou para uma plateia de evangélicos na Igreja da Lagoinha em Orlando, na Flórida. Nas primeiras fileiras do evento estava o foragido internacional Allan dos Santos. O blogueiro bolsonarista tem mandado de prisão preventiva decretada no Brasil.

Santos publicou vídeos em suas redes sociais marcando presença na igreja e na motociata que o presidente participou em seguida ao culto evangélico. Nas imagens, Santos segue fazendo ofensas e provocações a Alexandre de Moraes.

"Xandão (em referência ao ministro do STF Alexandre de Moraes) não queria que eu participasse de uma motociata no Brasil, mas olha o que Deus faz, traz a motociata aqui", disse.

Após a condenação pela Suprema Corte, ao qual expediu um mandado de prisão preventiva contra Allan dos Santos, ele viajou para os EUA em julho de 2021. Ele é investigado no âmbito dos inquéritos das fake news e das milícias digitais, que estão sob a relatoria do ministro Alexandre de Moraes.

O ministro Alexandre de Moraes acionou o Ministério da Justiça para iniciar o processo de extradição do blogueiro bolsonarista com o mandado de prisão. O magistrado também ordenou que a Polícia Federal inclua o mandado de prisão na lista da Difusão Vermelha da Interpol. Contudo, as autoridades norte-americanas ainda não consideraram as acusações forte suficientes para incluí-lo no rol de procurados.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Suspeito de ataque a tiros com seis mortos é detido nos EUA
Manhã na Clube: entrevistas com o pastor Wellington Carneiro e Alexandre Castelano
Planta gigante, prima da vitória-régia, é descoberta em Londres
Manhã na Clube: entrevistas com a deputada estadual Teresa Leitão (PT) e Juliana César
Grupo Diario de Pernambuco