Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

REPERCUSSÃO

Bolsonaristas se revoltam com Lula na capa da Time: 'Perdeu credibilidade'

Publicado em: 04/05/2022 15:50

 (crédito: Cleia Viana/Câmara dos Deputados, Revista Time/Reprodução, Jefferson Rudy/Agência Senado)
crédito: Cleia Viana/Câmara dos Deputados, Revista Time/Reprodução, Jefferson Rudy/Agência Senado
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) estampou a capa da revista norte-americana Time, publicada nesta quarta-feira (4), e acabou irritando a ala apoiadora do presidente Jair Bolsonaro (PL).

Nas redes, bolsonaristas criticaram a escolha do petista para a capa da revista, que além de estampar o rosto de Lula, também chamavam o ex-presidente de "o político mais popular do Brasil". O ex-ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles foi um dos primeiros a reagir à capa. "Quem liga para essa porcaria da revista Time?!", escreveu.

O ex-secretário de Fomento e Incentivo à Cultura e pré-candidato à Câmara André Porciuncula (PL) fez uma thread no Twitter sobre o assunto. No texto, ele diz que a escolha da revista no mesmo momento que celebridades de Hollywood se manifestaram a favor do voto facultativo não é coincidência.

O empresário bolsonarista Paulo Figueiredo Filho postou, também no Twitter, que "nos últimos 5 anos, a circulação caiu mais de 50% e a revista não está nem entre as 25 mais lidas dos EUA".

Família Bolsonaro
 
Quem também se irritou com a publicação foram os filhos do presidente Bolsonaro. O mais velho, senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ), publicou uma série de memes sobre o assunto. Em um deles, Lula aparece na capa da revista, mas através das grades.

Em seguida, Flávio sugeriu mudar a manchete da publicação. "A capa da Time deveria ser assim: 'Inflação chega a 55,1% na Argentina e quase metade da população passa fome'". Embaixo, o filho do presidente publicou uma foto de Lula ao lado de Cristina Kirchner e do presidente argentino Alberto Fernández.

O senador também postou um meme que comparava imagens de Lula no passado e no presente. Nas fotos, Lula aparece de vermelho e, em seguida, esconde as cores do Partido dos Trabalhadores (PT). "Por que o Lula quer esconder o PT?", perguntou.

O filho “02” de Bolsonaro e vereador Carlos Bolsonaro (PL-RJ) republicou uma thread de Felipe G Martins, chefe da assessoria internacional da Presidência da República e acusado de fazer sinais nazistas, sobre a revista.

No texto, o assessor de Bolsonaro fala que a revista está "se intrometendo" na política brasileira. Em seguida, ele cita diversas empresas, pessoas e ações internacionais que apoiam o ex-presidente Lula, segundo ele. "Diante disso, cabe a cada brasileiro que se importa com o destino do Brasil, e que não deseja ver nosso país perder ainda mais sua autonomia, se dar conta do que está por trás dessa campanha internacional de difamação ao governo Bolsonaro, denunciá-la e respondê-la à altura", escreveu Felipe.

Eduardo Bolsonaro (PL-SP), filho "03" de Bolsonaro e deputado federal, usou as redes para defender a liberdade de expressão. Para ele, "se houver liberdade de expressão" é possível para bolsonaristas defenderem suas ideias e os opositores se "afundarem sozinhos".

"Entende o desespero deles em querer regulamentar a imprensa/internet?", questionou.

Em seguida, o deputado criticou a escolha da Time. "Como fazer a sua revista perder a credibilidade: retrate o maior bandido de um país como a sua esperança", escreveu.

"Revista Time falando que Lula voltou de um exílio político. Ué, a prisão por crimes de corrupção mudou de nome?", perguntou.

Revista Time
 
Além de ser capa da edição desta quarta, Lula concedeu uma entrevista exclusiva ao veículo e afirmou nunca ter desistido da política. A publicação — uma das mais prestigiadas do mundo — faz referência à disputa eleitoral e a busca de Lula para assumir novamente o governo do país.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Ataque a tiros em escola nos EUA deixa 21 mortos
Para OMS, varíola do macaco ainda pode ser contida
Manhã na Clube: Henrique Queiroz Filho (PP), Edno Melo (Republicanos) e André Morais (CORECON-PE)
Soldado russo condenado à prisão perpétua por matar civil na Ucrânia
Grupo Diario de Pernambuco