Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

CAMPANHA ELEITORAL

Alckmin coloca o pé na estrada e estará com Lula em viagens pelo Brasil

Publicado em: 30/04/2022 08:43

 (Foto: Ruy Baron/Flickr)
Foto: Ruy Baron/Flickr
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) vai dar início ao cronograma de viagens pelo país assim que lançar a chapa à corrida eleitoral, no próximo dia 7. As primeiras viagens serão por Minas Gerais, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

O ex-governador Geraldo Alckmin (PSB), que será vice na chapa, estará ao lado de Lula em todas as viagens a partir de agora. Ele não participará, porém, do ato marcado pelas centrais sindicais para o 1º de Maio. Segundo a assessoria do ex-tucano, a ausência ocorrerá por questões de agenda.

Ontem, no congresso do PSB em Brasília, Alckmin enalteceu o petista. "No período de Lula tinha inflação, mas o crescimento do real acontecia, isso era percebido na valorização do salário mínimo. Em 2010, a economia cresceu 7,5%", destacou.

Ele também criticou o presidente Jair Bolsonaro (PL) por defender o armamento da população. "Essa proliferação de armas, veja o resultado de como aumentou o feminicídio", criticou.

A aliança do PT com o partido de Alckmin se intensifica, também, nos estados. Lula declarou, ontem, apoio ao candidato do PSB ao governo de Pernambuco, o deputado federal Danilo Cabral. "Eu vou trabalhar para que o Danilo seja eleito no estado de Pernambuco, é esse meu compromisso com o PSB, e o compromisso do PSB é me ajudar a me eleger presidente da República", disse o ex-presidente.

A participação de Alckmin na chapa deve ter um impacto importante com a intensificação das campanhas, avalia a professora de ciência política da Universidade Federal de Alagoas Luciana Santana.

"Se (Lula) tem hoje dificuldade de voltar a sentar à mesa com determinados perfis da população, provavelmente o PT vai ter como ponte o Alckmin", afirmou. Na avaliação dela, o ex-governador traz um potencial grande de articulação com empresários e com a elite política e econômica, principalmente em São Paulo.

O advogado e cientista político Nauê Bernardo destacou que Alckmin pode ter um outro papel em um eventual governo. "Caso os dois vençam a eleição, Lula deve gastar bastante tempo tentando reabrir portas para o Brasil no mundo, e Alckmin cuidará das coisas aqui. O ex-presidente já andou tecendo declarações nesse sentido", afirmou.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Soldado russo se declara culpado por crime de guerra na Ucrânia
Manhã na Clube: entrevista com Maria Zilá Passo, advogada especialista em direito da saúde
Fechamento de escolas durante pandemia pode gerar prejuízos por décadas no Brasil
Cada vez mais brasileiros procuram a medicina tradicional chinesa
Grupo Diario de Pernambuco