Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

ENTREVISTA

Lupércio defende candidatura própria do Solidariedade ao Governo de Pernambuco

Publicado em: 12/01/2022 17:16

 (Foto: Arquimedes Santos/Prefeitura de Olinda/divulgação
)
Foto: Arquimedes Santos/Prefeitura de Olinda/divulgação
O prefeito de Olinda, Professor Lupércio (Solidariedade), defende candidatura própria do partido ao governo do estado. A afirmação foi feita em entrevista ao Manhã na Clube desta quarta-feira (12). Na conversa, o gestor municipal disse que ainda está em fase de conversas com o presidente estadual do partido, o deputado federal Augusto Coutinho.

"O que eu venho conversando com o deputado Augusto Coutinho é uma candidatura do Solidariedade. É isso que nós viemos conversando. É isso que eu estou falando. Agora, a gente tem tido esse cuidado para não passar o pé pelas mãos. Hoje, nós estamos focados aqui, na administração de Olinda. Se tiver de vir a disputar uma eleição, nós estaremos prontos para isso”, comentou. Na última disputa para o executivo estadual, o partido apoiou a reeleição do governador Paulo Câmara (PSB).

Questionado sobre a possibilidade de liderar essa missão, Lupércio confirmou o desejo “legítimo” de galgar posições na política pernambucana e possivelmente disputar o cargo. De acordo com ele, o próprio Coutinho sinalizou “que não há nenhuma dificuldade na legenda, porém hoje estou focado aqui na cidade”. 

A primeira semana deste ano começou com uma notícia impactante para os servidores olindenses: todos os 400 comissionados foram exonerados. A gestão alegou a necessidade de “otimizar” os trabalhos e preparar uma reforma administrativa. “Nós iremos mandar – e já está pronto – para Câmara de Vereadores uma reforma administrativa onde a gente vai fazer uma redução de cargos. Além disso, nós já estamos recolocando aqueles que são chamados essenciais, e só vai ficar quem realmente produz”, comentou.

Na última quarta-feira (5), a Prefeitura de Olinda cancelou oficialmente o Carnaval deste ano, devido ao aumento de casos de covid-19 no país e na cidade. “Tudo isso construído ao longo do tempo, conversando justamente com as pessoas envolvidas de forma muito direta, com a Secretaria de Saúde da cidade de Olinda, com todos os números da Vigilância Sanitária... Então, a gente viu que se a gente fizesse seria uma irresponsabilidade muito grande, [seria] colocar em jogo a vida das pessoas. Então, a gente achou por bem cancelar o Carnaval. Mas, com tudo isso, a gente já falava lá atrás que, se a gente fosse cancelar, a gente estaria dando todo o apoio necessário às pessoas que dependem do Carnaval de forma muito direta”, disse o prefeito à Clube

No dia em que o cancelamento da festividade foi comunicado, a prefeitura da cidade anunciou programas de apoio aos profissionais que dependem financeiramente do período carnavalesco. Será concedido um auxílio (de valor ainda não estabelecido) para artistas, representantes da cultura popular e trabalhadores ambulantes. Editais de fomento à cultura também deverão ser lançados.

Na entrevista, Lupércio também comentou sobre o avanço da vacinação no município e sobre os trabalhos que foram realizados para conscientizar a população da importância da vacina. Segundo o prefeito, 70% dos moradores da cidade já receberam a segunda dose do imunizante. Em relação à dose de reforço, o gestor admite “que ainda não está naquela velocidade que a gente pretende que esteja aqui na cidade, mas nós sentimos que as coisas vêm melhorando e a procura está começando a aumentar". 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevistas com André de Paula (PSD), Eduardo Cavalcanti e Epitacio Rolim
OMS: é possível encerrar fase aguda da pandemia este ano
Manhã na Clube: entrevistas com Carlos Veras (PT), Frederico Menezes e Marlon Malassa
Zuri: 11 anos, multiinstrumentista, compositor e prodígio da música faz campanha para comprar violão
Grupo Diario de Pernambuco