Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

PANDEMIA

Bolsonaro afirma que vacinação de crianças de 5 a 11 anos é 'incógnita'

Publicado em: 12/01/2022 17:05

 (Foto: Alan Santos/PR)
Foto: Alan Santos/PR
O presidente Jair Bolsonaro (PL) voltou a questionar, nesta quarta-feira (12), a eficácia da vacinação de crianças de 5 a 11 anos contra a Covid-19.

Durante entrevista à Gazeta Brasil, Bolsonaro atacou os membros da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e disse que a administração do imunizante em crianças é uma “incógnita”, dando a entender que o órgão estaria fazendo testes em crianças.

“A Anvisa não disse qual o antídoto para possíveis efeitos colaterais”, declarou.“É uma incógnita muito grande ainda isso tudo que está acontecendo no Brasil", disse.
 
Essa não é a primeira vez que Bolsonaro questiona as ações da Anvisa. Na semana passada, o presidente chegou a questionar o que estaria por trás do interesse da agência de aprovar a vacina contra Covid para crianças.

“O que está por trás disso? Qual o interesse da Anvisa por trás disso aí? Qual o interesse daquelas pessoas taradas por vacina? É pela sua vida, pela sua saúde?”, afirmou, na ocasião.

A venda, distribuição e disponibilização da vacina da Pfizer contra a Covid-19 para crianças de 5 a 11 anos foram autorizadas pela Anvisa no mês passado. 

Mesmo com a autorização do órgão, o Ministério da Saúde resolveu fazer uma consulta pública sobre o assunto. Depois, foi autorizado no dia 5 de janeiro a vacinação desta faixa etária.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevista com Carlos Veras (PT), deputado federal
China executa maiores exercícios militares em décadas
Papa recebeu como tapas os depoimentos de abusos no Canadá
Defesa de Brittney Griner alega falhas em provas apresentadas pela Rússia
Grupo Diario de Pernambuco