Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

POLÍTICA

Wyllys diz que Tebet finge surpresa com 'caráter fascista' de Bolsonaro

Publicado em: 27/12/2021 21:18

 (Foto: José Cruz/Agência Brasil)
Foto: José Cruz/Agência Brasil
O ex-deputado federal Jean Wyllys (PT-RJ) criticou nesta segunda-feira (27) a senadora Simone Tebet (MDB-MS), cotada para disputar a Presidência da República nas eleições de 2022. Tebet tem feito críticas a Jair Bolsonaro (PL), presidente da República, o que foi visto por Wyllys como cinismo, já que o parlamentar vê a reação da senadora como fingimento.

"A senadora Simone Tabet e todos que, como ela, hoje fingem surpresa em relação ao caráter fascista de Bolsonaro são a prova de que o cinismo é tão pernicioso à democracia quanto a mentira deliberada, e de que ambos são expressões da propaganda política mais sórdida", publicou Wyllys nas redes sociais, estendendo a crítica a outras pessoas, sem citar nomes.

O comentário mais recente de Tebet sobre Bolsonaro, que deve se candidatar à reeleição em 2022, foi feito nesse fim de semana. Ao "Diário de Notícias", jornal de Portugal, a senadora afirmou que Bolsonaro foi o pior presidente do Brasil na história.

"Ninguém podia imaginar uma gestão tão ruim, nem que o presidente Bolsonaro pudesse entrar para a história como o pior presidente da história do Brasil. Ninguém imaginava que ele poderia namorar com o autoritarismo ou ameaçar as instituições democráticas e tentar mudar todo o pensamento de uma geração com o discurso de ódio contra as minorias", disse Tebet ao jornal português.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevista com Carlos Veras (PT), deputado federal
China executa maiores exercícios militares em décadas
Papa recebeu como tapas os depoimentos de abusos no Canadá
Defesa de Brittney Griner alega falhas em provas apresentadas pela Rússia
Grupo Diario de Pernambuco