Diario de Pernambuco
Busca

FÉRIAS EM SANTA CATARINA

Randolfe aciona TCU contra gastos de Bolsonaro em férias

Publicado em: 30/12/2021 15:45

 (crédito: Reprodução/Redes Sociais)
crédito: Reprodução/Redes Sociais
O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) acionou o Tribunal de Contas da União (TCU) contra “gastos exorbitantes” do presidente Jair Bolsonaro (PL) durante férias no litoral de Santa Catarina. O recesso do presidente ocorre enquanto o estado da Bahia registra mortos, feridos e desabrigados por enchentes. Em documento enviado ao TCU nesta quinta-feira (30), Randolfe pediu que a corte solicite informações e fiscalize o montante gasto por Bolsonaro nas férias.

“Solicitamos, diante do estado de emergência em que se encontram os municípios brasileiros e diante do envio insuficiente de recursos federais para mitigar a tragédia, que a eminente Corte defira medida cautelar para suspender os gastos com as férias do presidente e determinar a sua reversão ao socorro aos estados e municípios da Bahia e Minas Gerais, que foram atingidos pelas fortes chuvas e enchentes”, solicitou Randolfe.

No documento enviado ao TCU, o senador citou a fala de Bolsonaro, que disse, nesta semana, que espera não ter que voltar das férias antes do previsto para cuidar da situação que atinge principalmente a Bahia, onde já há 24 mortos, mais de 430 feridos, pelo menos 91 mil desabrigados e 629 mil afetados.

“Apesar das dezenas de mortes e das dezenas de milhares de cidadãos que se encontram inclusive sem um teto para se proteger, o presidente da República, que tem o dever constitucional de promover ações contra calamidades públicas e inundações, passa férias em Santa Catarina, afirmando que não pretende abandonar seu ‘período de descanso’”, argumentou Randolfe.

Segundo o parlamentar, a Constituição Federal “não deixa dúvidas sobre de quem é a obrigação de dar o devido suporte à população atingida por calamidades e inundações”. “Apesar de estar de férias, o Presidente da República ocupa o cargo da mais alta relevância do ponto de vista da tomada de decisões em situações de calamidade pública”, disse ele.

“Não poderia o Presidente da República optar que o contribuinte pague valores exorbitantes para custear as suas férias neste momento tão crucial, no ápice dos estragos, com dezenas de cidadãos brasileiros que perderam suas vidas somados às dezenas de milhares de desabrigados. Passear de Jet Ski enquanto centenas de milhares de brasileiros sofrem com os estragos da enchente é uma verdadeira ofensa também ao princípio da moralidade administrativa previsto na Constituição”, acrescentou.

Randolfe também criticou a Medida Provisória que destina R$ 200 milhões para reparos em rodovias na Bahia, Amazonas, Minas Gerais, Pará e São Paulo. Ele ressaltou que, para a Bahia, estado mais afetado pelas enchentes, o montante destinado é de apenas R$ 80 milhões – o que ele considera insuficiente para ações humanitárias emergenciais e reconstrução de estradas.

O próprio governador do estado, Rui Costa (PT), disse nesta semana que os repasses do governo federal são insuficientes. No pedido enviado ao TCU, Randolfe também cita os gastos com emendas de relator (orçamento secreto) que tiveram R$ 13,6 bilhões já empenhados este ano do total de R$ 16,9 bi.

Bolsonaro passou a primeira parte das férias no Guarujá, litoral de São Paulo. A visita ao paraíso paulista também é alvo do pedido enviado por Randolfe ao TCU.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL

Lula planeja novo encontro com Fernando Henrique Cardoso

19/08/2022 às 14h05

Janones para 'Véio da Havan': 'Vergonha é ajudar a matar a própria mãe'

19/08/2022 às 14h00

Gabriel Monteiro sobre cassação: 'Deus me deu o mandato, Deus tomou'

19/08/2022 às 13h55

Eduardo Bolsonaro sobre o pai: 'Mais democrata nunca vi'

19/08/2022 às 12h33

Sergio Moro sobre disputa presidencial: 'Jamais estarei ao lado de Lula'

19/08/2022 às 12h22

Felipe Carreras é o deputado federal de Pernambuco que menos gasta verba pública

19/08/2022 às 12h03

Miguel Coelho recebe apoio de mais duas lideranças religiosas de Pernambuco

19/08/2022 às 11h52

Ministro do STF suspende decisão que tornava Eduardo Cunha elegível

19/08/2022 às 11h16

Confira a agenda dos candidatos à Presidência para esta sexta (19)

19/08/2022 às 08h09

Ciro Gomes se compromete a propor um código de leis trabalhistas

19/08/2022 às 07h32

Lula: pobres precisam voltar 'a comer, trabalhar e andar de avião'

19/08/2022 às 07h30

Lula promete criação de ministérios para indígenas e pequenas empresas

18/08/2022 às 22h16

Frente inter-religiosa publica nota de repúdio a Michelle Bolsonaro

18/08/2022 às 21h59

Ciro Gomes fala em reforma da CLT, caso seja eleito

18/08/2022 às 21h57

Sem comentar sobre agressão, Bolsonaro usa live para criticar esquerda

18/08/2022 às 21h55

Soraya Thronicke assina compromisso com Presidente Amigo da Criança

18/08/2022 às 21h39

Bolsonaro defende escolha de ministros por critérios técnicos

18/08/2022 às 21h36

Vera Lúcia diz que prioridade do seu governo será combate à fome

18/08/2022 às 21h34