Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

POLÍCIA FEDERAL

STF adia julgamento após Bolsonaro aceitar depor presencialmente

Publicado em: 06/10/2021 15:05 | Atualizado em: 06/10/2021 15:22

 (foto: PR/Reprodução)
foto: PR/Reprodução
O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, nesta quarta-feira (6), adiar o julgamento que investiga o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e uma possível interferência na Polícia Federal (PF), após o chefe do Executivo federal, alegar que quer se manifestar de forma presencial. 
 
O inquérito foi aberto após o ex-ministro da Justiça Sergio Moro denunciar Bolsonaro.

O plenário voltaria a julgar hoje o modelo do depoimento de Bolsonaro. Mas com a decisão do presidente, o julgamento foi suspenso pelo relator, o ministro Alexandre de Moraes.
O julgamento começou em outubro de 2020, com voto de Celso de Mello a favor do depoimento presencial. 
 
O inquérito estava parado depois de a AGU pedir para que o presidente fizesse o depoimento por escrito, como já havia acontecido com o ex-presidente Michel Temer (MDB).
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevistas com Sileno Guedes e com a nutricionista Joyce Alencastro
CPI da Pandemia chega ao final com homenagens às vítimas da Covid
Manhã na Clube: ex-ministro Roberto Freire, dr. Cláudio Falcão e o advogado Pedro Avelino
Chama dos Jogos de Inverno é acesa
Grupo Diario de Pernambuco