Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

NOVO PARTIDO

Em convenção nacional, DEM aprova fusão com PSL para formar União Brasil

Publicado em: 06/10/2021 12:30

 (Foto: Divulgação/Democratas)
Foto: Divulgação/Democratas
Em convenção nacional nesta quarta-feira (6/10), o Democratas aprovou, por aclamação, a fusão das legendas para a criação do União Brasil. O único voto contra foi o do ministro Onyx Lorenzoni, que atualmente chefia a pasta do Trabalho e Previdência.

A convenção ocorreu simultaneamente, em dois auditórios diferentes, lado a lado. Do lado dos Democratas, a reunião contou com a presença de vários caciques da legenda, como o atual presidente do partido e ex-prefeito de Salvador, ACM Neto; o governador de Goiás, Ronaldo Caiado; e o líder do partido na Câmara, Efraim Filho (PB).

Além de Lorenzoni, do Rio Grande do Sul, outra ministra do governo Bolsonaro esteve presente: Tereza Cristina (MS), ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, que é filiada ao partido.

O principal ponto de divergência de Lorenzoni foi quanto ao direito de voto de parlamentares nas decisões da Executiva Nacional. Ele também defendeu que o partido se posicionasse sobre temas relacionados às eleições de 2022, incluindo um eventual apoio à campanha do presidente Jair Bolsonaro.

Enquanto conduzia a reunião, o presidente do DEM, ACM Neto, reafirmou que o objetivo do novo partido é lançar um candidato próprio.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Destaque do Náutico, meia Jean Carlos completa 100 jogos com a camisa alvirrubra
Baixas na equipe de Guedes
Trump anuncia planos para lançar nova rede social
Manhã na Clube: entrevistas com Teresa Leitão (PT), Fernandes Arteiro e José Teles
Grupo Diario de Pernambuco