Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

ELEIÇÕES

Bolsonaro diz que 'não vai ter sacanagem nas eleições de 2022'

Publicado em: 08/10/2021 21:37

 (Foto: EVARISTO SA / AFP
)
Foto: EVARISTO SA / AFP
"Não vai ter sacanagem nas eleições", afirmou o presidente Bolsonaro, nesta sexta-feira (8), sobre o pleito do próximo ano. A declaração ocorreu durante discurso na 1ª Feira Brasileira do Nióbio, em Campinas, SP. 

"O ano que vem tem eleições, vamos renovar, prestigiar quem fez um bom trabalho e renovar. Pode ter certeza que não vai ter sacanagem nas eleições. Convidaram as Forças Armadas, nós aceitamos e vamos participar de todo o processo eleitoral. Vamos acabar com a suspeição", apontou.

No último dia 4, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, afirmou que o órgão tem todo o interesse de preservar a democracia e garantir um resultado transparente. O ministro garantiu confiar no processo eleitoral brasileiro e afirmou que a questão do voto impresso é um "defunto enterrado".

"Tenho a impressão de que, depois que a Câmara votou, que o presidente do Senado disse que não reabriria a matéria e que o próprio presidente da República diz que confia no voto eletrônico, acho que finalmente esse defunto foi enterrado".

Nos últimos meses, Bolsonaro fez uma série de ameaças ao processo eleitoral, atacando o sistema de urnas eletrônicas e defendendo a volta da impressão do voto. Em agosto, a Câmara rejeitou e arquivou uma proposta de emenda à Constituição (PEC) que tinha como objetivo o voto impresso em eleições, plebiscitos e referendos.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Destaque do Náutico, meia Jean Carlos completa 100 jogos com a camisa alvirrubra
Baixas na equipe de Guedes
Trump anuncia planos para lançar nova rede social
Manhã na Clube: entrevistas com Teresa Leitão (PT), Fernandes Arteiro e José Teles
Grupo Diario de Pernambuco