Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

RIO DE JANEIRO

No Rio, Bolsonaro participa de entrega de Medalha Mérito Desportivo Militar a medalhistas de Tóquio

Publicado em: 01/09/2021 13:00

 (Foto: Reprodução / Tv Brasil)
Foto: Reprodução / Tv Brasil
O presidente Jair Bolsonaro participou nesta quarta-feira (1°) da cerimônia de entrega da Medalha Mérito Desportivo Militar, no Rio de Janeiro. No evento, atletas medalhistas das olimpíadas de Tóquio foram homenageados, assim como atletas militares. O mandatário chegou ao local sem máscara.

Nas olimpíadas, Ana Marcela, da maratona aquática levou ouro, assim como Hebert Conceição, do boxe. Beatriz Ferreira, também do boxe, ficou com a medalha de prata. Daniel Cargnin, do judô, e Abner Ferreira, do boxe, que ganharam o bronze. Eles foram agraciados na solenidade.

Também estiveram presentes na cerimônia o ministro da Defesa, Walter Braga Netto e o ministro do GSI, Augusto Heleno. A previsão é de que Bolsonaro retorne para Brasília no meio da tarde.

Mais cedo, antes de desembarcar no Rio, o presidente passou por exames de rotina no posto médico do Planalto. Ele chegou ao local às 7h, onde permaneceu por cerca de 40 minutos. O médico, Dr. Camarinha acompanhou Bolsonaro na viagem.

Ontem, sem agenda oficial à tarde, o presidente participou de uma motociata em Uberlândia, Minas Gerais. Ele andou a cavalo empunhando um mastro com a bandeira do Brasil. Em meio à cavalgada, o mandatário se encontrou com apoiadores que o presentearam com um troféu. Na chegada à cidade, ao som de "mito" e sem máscara, ele cumprimentou bolsonaristas com apertos de mãos, tirou selfies e pegou crianças no colo.

O presidente também disse que o próximo dia 7 de setembro "nunca foi tão importante" para a população brasileira, defendeu que mudará o destino do Brasil, que "não empunhará uma espada para cima", "mas que temos outro 7 de setembro pela frente" referindo-se indiretamente a uma nova chance de independência.

Em um palanque, que tocava ao fundo seu jingle de campanha de 2018, o mandatário convocou a população para participar dos atos pró-governo que ocorrerão no dia 7 de Setembro. Bolsonaro disse ainda que, no dia da Independência, "será a hora do país se tornar independente para valer" e atacou indiretamente o Supremo Tribunal Federal (STF) e o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) dizendo não aceitar que "uma ou outra pessoa imponha sua vontade".
TAGS: rio | bolsonaro | atletas |
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
As mães em plena pandemia: casal paulista adota cinco irmãos de Serra Talhada
Bolsonaro aumenta IOF para custear novo Bolsa Família
Surto de Covid-19 obriga Presidente da Rússia a ficar em isolamento
Manhã na Clube: entrevistas com o deputado Eduardo da Fonte (PP), Elias Paim e Diego Martins
Grupo Diario de Pernambuco