Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

CPI DA COVID

Mourão sobre Wagner Rosário: 'Aloprada' por conta do deboche de senadores

Publicado em: 22/09/2021 14:14

 (crédito: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)
crédito: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
O vice-presidente, Hamilton Mourão, defendeu nesta quarta-feira (22) o ministro da Controladoria-Geral da União, Wagner Rosário, ouvido ontem na CPI da Covid-19 no caso Covaxin, que ofendeu a senadora Simone Tebet (MDB-MS) chamando-a de “descontrolada". Segundo o general, o ministro é uma pessoa séria, mas "deu uma aloprada" durante o depoimento. Ele alegou que é "perfeitamente normal" alguém reagir diante de "desaforos" dos parlamentares.

"É aquela história: o cara lá não estava submetido a um interrogatório. Tem uns que têm mais paciência para aguentar, vamos dizer, os desaforos que são ditos ali, e tem outros que não têm. Então, o Wagner aguentou até um determinado ponto e, em outros pontos, acabou dando uma aloprada. Eu acho perfeitamente normal uma pessoa reagir", apontou a jornalistas na chegada ao Palácio do Planalto.

"A pessoa tem que ter muito sangue frio para poder aguentar o deboche que muitas vezes é colocado ali (na CPI da Covid), né? Ainda mais que eu conheço bem o Wagner. O Wagner é uma pessoa séria", continuou.

Segundo Mourão, os senadores acabam ofendendo as pessoas ouvidas na comissão. "Lamentavelmente alguns dos senadores procuram, dentro das suas perguntas, em vez de perguntarem objetivamente, acabam ofendendo a pessoa que está lá ou fazendo uma volta ao mundo. É aquela história, todos são políticos, todos estão de olho ali. É uma exposição. Depois (isso) faz com que as pessoas se lembrem na hora de apertar o numerozinho (na urna), lá na votação", acrescentou.

"Perneta"
 
Por fim, defendeu o fim da CPI da Covid e acusou os parlamentares de não falarem sobre as boas ações do governo. "Eu acho que aquilo que tinha que ser investigado já foi investigado. Eles têm plenas condições de apresentar um relatório. Acho que a CPI, a finalidade dela era investigar as ações do governo na pandemia, e ela se concentrou única e exclusivamente nessa problemática de cloroquina, de vacina. Não olhou para o governo em termos de apoio à economia e ações sociais. Acho que ela ficou perneta nisso aí", declarou.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Morreu James Michael Tyler, o Gunther de Friends
Manhã na Clube: entrevistas com Alberes Lopes, Antônio César Cruz e Almir Reis
Destaque do Náutico, meia Jean Carlos completa 100 jogos com a camisa alvirrubra
Baixas na equipe de Guedes
Grupo Diario de Pernambuco