Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

APÓS 14 DIAS

Diretor diz que Prevent Senior alterava código de classificação da Covid

Publicado em: 22/09/2021 15:00

 (foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado)
foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado
Pedro Batista Júnior, diretor da Prevent Senior, acusada de ocultar mortes de pacientes que participaram de estudo realizado para testar a eficácia da hidroxicloroquina contra Covid-19, afirmou durante Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, que os hospitais da rede alteravam o código de classificação do vírus.
 
De acordo com o diretor, após os pacientes ficarem 14 dias internados com o vírus, o diagnostico era alterado.
 
“A mensagem é clara: todos os pacientes com suspeita ou confirmados de covid, na necessidade de isolamento, quando entravam no hospital, precisavam receber o B34.2, que é o código de Covid, e, após 14 dias – ou 21 dias, para quem estava em UTI –, se esses pacientes já tinham passado dessa data, o código poderia já ser modificado, porque eles não representavam mais risco para a população do hospital”, disse o diretor.
 
A pesquisa da Prevent Senior foi apoiada pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e divulgada como solução contra a pandemia.
 
A informação foi publicada em primeira mão pela TV Globo, que afirmou que a CPI da Covid recebeu um dossiê com uma série de denúncias de irregularidades, elaborado por médicos e ex-médicos da Prevent. 

No documento, é citado que a disseminação da cloroquina e outras medicações foi resultado de um acordo entre o governo Bolsonaro e a Prevent. Segundo o dossiê, o estudo foi um desdobramento do acordo.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Morreu James Michael Tyler, o Gunther de Friends
Manhã na Clube: entrevistas com Alberes Lopes, Antônio César Cruz e Almir Reis
Destaque do Náutico, meia Jean Carlos completa 100 jogos com a camisa alvirrubra
Baixas na equipe de Guedes
Grupo Diario de Pernambuco