Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

ATOS ANTIDEMOCRÁTICOS

Bolsonaristas leem carta de Roberto Jefferson sobre cachorro 'Xandão' em referência a ministro

Publicado em: 08/09/2021 18:06

 (Foto: MINERVINO JUNIOR/CB/DA.PRESS)
Foto: MINERVINO JUNIOR/CB/DA.PRESS
Em cima de um trio elétrico, os apoiadores do presidente da República, Jair Bolsonaro, mostraram apoio ao advogado Roberto Jefferson, preso desde maio deste ano e aliado do mandatário. Durante a manifestação em apoio ao presidente, foi lida uma carta do político que citou versículos da Bíblia e que se colocou como um "preso político".

O documento foi apresentado pelo pastor de Roberto Jefferson, Joel Serra. Nele, o político se diz perseguido por um cachorro chamado Xandão, em alusão ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes, alvo de ataques do presidente Bolsonaro e de seus apoiadores.

Como justificativa, Jefferson diz que o cão sempre enxerga no próximo a vantagem, é uma figura abominável, sádica e sodomita inconsciente, que rasgou a Constituição. A carta termina afirmando que Moraes tem pretensão de se candidatar à Presidência da República e que censurou a mídia conservadora.

Esplanada bloqueada
Um dia após a manifestação na Esplanada dos Ministérios, o grupo de apoiadores do presidente da República, Jair Bolsonaro, continua protestando em Brasília. Cerca de mil pessoas se aglomeram nas proximidades do Congresso Nacional. Os manifestantes ameaçaram invadir a pista que dá acesso ao Supremo Tribunal Federal (STF) e bloquearam a entrada da Esplanada.

Em cima de um trio elétrico, um representante dos apoiadores afirmou ter em mãos uma carta para entregar ao presidente Bolsonaro que pede destituição de todos ministros do STF; além da provação da PEC 103, que trata do voto impresso e auditoria das eleições. Os manifestantes também pediram o recolhimento dos passaportes dos ministros do STF e prisão cautelar dos magistrados.

Os manifestantes pretendem recolher as barracas espalhadas pela Esplanada às 19h para se concentrarem no gramado e decidirem o próximo destino.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
As mães em plena pandemia: casal paulista adota cinco irmãos de Serra Talhada
Bolsonaro aumenta IOF para custear novo Bolsa Família
Surto de Covid-19 obriga Presidente da Rússia a ficar em isolamento
Manhã na Clube: entrevistas com o deputado Eduardo da Fonte (PP), Elias Paim e Diego Martins
Grupo Diario de Pernambuco