Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

EXONERADO

Após pressão de Valdemar Costa Neto, cai presidente do Banco do Nordeste

Publicado em: 30/09/2021 20:07

 (Foto: Leonardo Prado/Câmara dos Deputados)
Foto: Leonardo Prado/Câmara dos Deputados
Após pressão do ex-deputado Valdemar Costa Neto, presidente do Partido Liberal (PL), o Conselho de Administração do Banco do Nordeste (BNB) aprovou, nesta quinta-feira (30), a exoneração do atual presidente da instituição, Romildo Rolim. O cargo será ocupado interinamente por Anderson Possa, atual diretor de negócios do banco.

Rolim foi indicado ao comando do BNB pelo próprio PL. Costa Neto deu início à ofensiva contra a essa gestão depois de ser cobrado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sobre um contrato do banco com o Instituto Nordeste Cidadania (Inec), que avalia projetos de microcrédito. O gasto previsto em 2021 com a organização seria de R$ 941 milhões.

Costa Neto é um dos principais caciques do Centrão, bloco de partidos que hoje comanda a articulação política do governo. Na terça-feira, ele indicou o engenheiro Ricardo Pinto Pinheiro para o cargo.

A indicação ainda está em análise, já que a legislação pevê que uma série de requisitos sejam cumpridos para o comando de uma estatal, inclusive checagem de currículo e de eventuais pendências na Justiça.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevistas com Sileno Guedes e com a nutricionista Joyce Alencastro
CPI da Pandemia chega ao final com homenagens às vítimas da Covid
Manhã na Clube: ex-ministro Roberto Freire, dr. Cláudio Falcão e o advogado Pedro Avelino
Chama dos Jogos de Inverno é acesa
Grupo Diario de Pernambuco