Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

Renan Calheiros pede para Bolsonaro vetar Fundão Eleitoral

Publicado em: 16/07/2021 19:38

 (oto: Edilson Rodrigues/Agência Senado)
oto: Edilson Rodrigues/Agência Senado
O relator da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da COVID rebateu as críticas do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), nesta sexta-feira (16/7), atráves das redes sociais. Ele sugeriu que o presidente vetasse a LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) de 2022, que permite um aumento no Fundo Eleitoral –destinado a partidos políticos e candidatos, para campanha nas eleições.

“E por falar em facadas e hemorragias,o presidente tem a prerrogativa de vetar a facada do fundão eleitoral que vai sangrar o Brasil em R$ 5,7bi.”, escreveu o senador.

A Lei de Diretrizes Orçamentárias foi aprovada pelo Congresso na última quinta-feira (15/7). Ela é a base do Projeto de Lei Orçamentária Anual. 
 
De acordo com o relator da CPI da Pandemia, o dinheiro poderia ser usado para saúde. “Ele pode impedir e salvar as vítimas: os brasileiros. Os mesmos que padecem com a pandemia”, afirmou Renan.

Na quinta, o placar de votação foi de 278 votos a favor do projeto, 145 contra e 1 abstenção. Entre os senadores, 40 a favor e 33 contra.

Com a aprovação da LDO, o Congresso entrará formalmente em recesso parlamentar, entre 18 e 31 de julho.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Terceira dose de vacina anticovid começa a ser aplicada em Israel para aumentar imunidade
Manhã na Clube: entrevistas com coronel Luiz Meira (PTB), Regina Sales e Maria Dulce
Manhã na Clube: entrevistas com José Maria Eymael, Rodrigo Floro e Chico Kiko (PP)
Leão se afasta de parque onde vive solto e assusta moradores de cidade africana
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco