Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

'RACHADINHAS'

Planalto diz que áudios de ex-cunhada de Bolsonaro estão 'fora de contexto'

Publicado em: 05/07/2021 17:32

 (foto: Marcos Corrêa/PR)
foto: Marcos Corrêa/PR
O Palácio do Planalto divulgou, nesta segunda-feira (5), por meio da Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom), uma nota em resposta à reportagem do UOL que acusa o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) de ser responsável por um esquema de desvio de salários, as chamadas “rachadinhas”, do seu gabinete quando ainda era deputado federal. 
 
De acordo com a nota, os áudios publicados pelo UOL estão “fora de contexto sem mais informações”. 
 
Segundo o Planalto, a construção da narrativa da reportagem “parece ter como intuito induzir o leitor/expectador a conclusões precipitadas por carecer de contexto". 
 
Leia a nota na íntegra:
 
“Considerando que não tivemos acesso à íntegra das gravações divulgadas pelo UOL, mas apenas a trechos fora de contexto, sem mais informações sobre data e hora, não há como nos manifestar. A construção da narrativa, tal qual feita pelo UOL, por meio da divulgação de trechos sem contextualização cronológica parecem ter como intuito induzir o leitor/expectador a conclusões precipitadas por carecer de contexto.”
 
Entenda
 
Mais cedo, o UOL divulgou que a fisiculturista Andrea Siqueira Valle, ex-cunhada do presidente Jair Bolsonaro, contou, em gravações inéditas, que o presidente demitiu um irmão dela, André Siqueira Valle, porque ele se recusou a entregar a maior parte do salário de assessor do então deputado federal.

A declaração da ex-cunhada é o primeiro indício de envolvimento direto de Bolsonaro em um esquema ilegal de entrega de salários, conhecido como “rachadinha”, dentro de seu próprio gabinete no período em que foi deputado federal.

Leia:Renan quer convocar a ex-cunhada de Bolsonaro para depor na CPI 
 
Andrea e André são irmãos de Ana Cristina Siqueira Valle, segunda mulher do presidente.

Bolsonaro ocupou o mandato de parlamentar na Câmara dos Deputados entre 1991 e 2018. 
 
O filho do presidente e senador Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ) já foi acusado de cometer o mesmo crime. 
TAGS: contexto | fora | cunhada | ex | áudios | planalto |
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevistas com o prefeito João Campos (PSB) e o governador Paulo Câmara (PSB)
De origem humilde, potiguar Ítalo Ferreira é o primeiro ouro do Brasil em Tóquio
Manhã na Clube: entrevistas com Ubiracé Elihimas e Frederico Belfort
Manhã na Clube: entrevista com o médico geriatra Marcelo Cabral
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco