Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

MP do Rio denuncia mulher de Flávio Bolsonaro e filhas de Queiroz em investigação sobre rachadinha

Publicado em: 04/11/2020 16:41

 (Foto: Reprodução )
Foto: Reprodução
Além do senador Flávio Bolsonaro e de seu ex-assessor Fabrício Queiroz, o Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) denunciou mais 15 pessoas por participação no esquema das chamadas "rachadinhas" na Assembleia Legislativa do Rio. Entre os acusados, estão a mulher do senador, Fernanda Antunes Figueira Bolsonaro, e o chefe de gabinete dele, Miguel Ângelo Braga Grillo.

A esposa de Queiroz, Márcia Oliveira de Aguiar, e suas filhas, Nathalia e Evelyn Melo de Queiroz, que já foram lotadas no gabinete de Flávio Bolsonaro como deputado estadual, também foram denunciadas.

O parlamentar, filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), foi denunciado pelos crimes de organização criminosa, peculato, lavagem de dinheiro e apropriação indébita  entre os anos de 2007 e 2018. A denúncia ao Órgão Especial foi ajuizada por meio da Subprocuradoria-Geral de Justiça de Assuntos Criminais e Direitos Humanos (Subcrim) do MP no último dia 19, mas chegou ao relator no TJ na última terça-feira (3), uma vez que ele estava de férias. O caso foi divulgado na madrugada desta quarta-feira (4).

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Convivendo com HIV e Aids: 40 anos depois, o estigma persiste
Resumo da semana: repercussão das eleições, gastos parlamentares e receio de novo lockdown
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 04/12
Entrevista com o governador Paulo Câmara
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco