Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

Posição

Fernando Bezerra Coelho declara neutralidade no segundo turno das eleições no Recife

Publicado em: 18/11/2020 14:02

Senador havia apoiado Mendonça Filho (DEM) no primeiro turno. (Foto: Instagram/Reprodução)
Senador havia apoiado Mendonça Filho (DEM) no primeiro turno. (Foto: Instagram/Reprodução)
Uma das principais lideranças políticas do estado, o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) divulgou nota nesta quarta-feira (18) declarando que não irá apoiar nenhum dos candidatos a prefeito do Recife no segundo turno. Líder do governo Bolsonaro, o senador havia apoiado no primeiro turno o candidato do DEM, Mendonça Filho, que ficou em terceiro lugar na votação.

"No momento em que duas candidaturas do campo da esquerda disputam o segundo turno, como líder do governo do Presidente Jair Bolsonaro, assumo a posição de neutralidade. Mantenho, contudo, a disposição de continuar trabalhando em favor da população do Recife, ajudando na interlocução com o Governo Federal e contribuindo com o desenvolvimento da nossa capital seja qual for o resultado final da eleição", diz a nota.

A posição de FBC vai na contramão de muitos dos principais nomes da direita em Pernambuco, que optaram por declarar apoio aos candidatos. Foi o caso do Podemos, do ex-senador Armando Monteiro (PTB), e do prefeito reeleito de Jaboatão, Anderson Ferreira (PL), que irão apoiar Marília Arraes (PT) no segundo turno. Outra liderança da direita no estado, o deputado estadual Pastor Cleiton Collins (PP) optou por reforçar o palanque de João Campos (PSB) na disputa.

Leia abaixo a nota do senador na íntegra:

"Nota à imprensa

No primeiro turno das eleições municipais, apoiei a candidatura de Mendonça Filho à Prefeitura do Recife por estar convencido de que seu nome melhor representava os anseios de mudança da população e o campo de centro-direita. Nesse sentido, trabalhei pela união dos partidos em torno da candidatura do Democratas e, sem êxito, não fomos para o segundo turno. Os números do pleito de domingo demonstram que estávamos certos. No momento em que duas candidaturas do campo da esquerda disputam o segundo turno, como líder do governo do Presidente Jair Bolsonaro, assumo a posição de neutralidade. Mantenho, contudo, a disposição de continuar trabalhando em favor da população do Recife, ajudando na interlocução com o Governo Federal e contribuindo com o desenvolvimento da nossa capital seja qual for o resultado final da eleição.

Senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE)"
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Argentina chora perda de Maradona
Jogadores se despedem de Maradona
Rhaldney Santos entrevista Dra Amanda López, neurocirurgiã pediátrica
Rhaldney Santos entrevista João Campos (PSB), candidato à Prefeitura do Recife
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco