Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

BUSCA E APREENSÃO

Senador com dinheiro na cueca pediu para ir ao banheiro, mas delegado percebeu 'grande volume' na bermuda

Publicado em: 15/10/2020 17:40

 (Foto: Agência Senado )
Foto: Agência Senado
O relatório da Polícia Federal sobre a operação Desvi-19, que realizou busca e apreensão na residência do senador Chico Rodrigues (DEM-RR) nessa quarta-feira (14), revelou como os agentes encontraram o dinheiro na cueca do parlamentar. Segundo o documento, a ação transcorria com certa normalidade e os policiais já tinham achado R$ 10 mil e US$ 6 mil num cofre no quarto do político, quando ele pediu para ir ao banheiro. Foi neste momento que o delegado Wedson Cajé percebeu um grande volume existente dentro da sua bermuda.

"Nesta hora, o Delegado Wedson percebeu que havia um grande volume, em formato retangular, na parte traseira das vestes do Senador CHICO RODRIGUES, que utilizava um short azul (tipo pijama) e uma camisa amarela. Considerando o volume e seu formato, o Delegado Wedson suspeitou estar o Senador escondendo valores ou mesmo algum aparelho celular. Ao ser perguntado sobre o que havia em suas vestes, o Senador CHICO RODRIGUES ficou bastante assustado e disse que não havia nada", descreve o relatório da PF. 

Segundo ainda o registro, diante da "fundamentada suspeita", o delegado informou ao senador que necessitaria fazer uma busca pessoal nele, solicitando aos policiais federais que filmassem o ato a fim de evitar qualquer suspeita de abuso de autoridade."Conforme imagens abaixo, ao fazer a busca pessoal no Senador CHICO RODRIGUES, num primeiro momento, foi encontrado no interior de sua cueca, próximo às suas nádegas, maços de dinheiro que totalizaram a quantia de R$ 15.000,00, conforme descrito no item 3 do Termo de Apreensão em anexo", registrou a PF.

Os valores, porém, ainda não se tratavam de todo o dinheiro guardado na roupa íntima do senador. Já ao final dos trabalhos de busca e apreensão, os agentes da PF questionaram o parlamentar se havia mais alguma quantia a ser entregue. Rodrigues, então, sacou um valor ainda maior de dentro da sua própria cueca. A polícia decidiu fazer uma última busca pessoal e encontrou um valor final de R$ 250,00 ainda escondido na cueca dele.

"Ao ser indagado pela terceira vez, com bastante raiva, o Senador CHICO RODRIGUES enfiou a mão em sua cueca, e sacou outros maços de dinheiro, que totalizaram a quantia de R$ 17.900,00, conforme descrito no item 4 do Termo de Apreensão em anexo. Desta forma, considerando que o Senador CHICO RODRIGUES, insistentemente, ocultava valores em suas vestes íntimas, esta equipe policial efetuou uma nova busca pessoal, oportunidade em que foram localizados, em sua cueca, a quantia de R$ 250,00", diz ainda o relatório da PF.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Rhaldney Santos entrevista Dra. Rebecca Spinelli
Rhaldney Santos entrevista Thiago Santos (UP)
Aprenda a treinar a mente com exercícios que previnem doenças e turbinam os neurônios
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão #Protocordados
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco