Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

Eleições

Na primeira semana de campanha, João Campos percorre 15 localidades

Publicado em: 04/10/2020 17:33 | Atualizado em: 04/10/2020 17:37

 (Foto: Rodolfo Loepert/Frente Popular do Recife
)
Foto: Rodolfo Loepert/Frente Popular do Recife
A primeira semana de campanha do candidato da Frente Popular do Recife, João Campos (PSB), foi marcada por uma agenda de encontros, caminhadas, reuniões e atos no Recife. O prefeiturável, desde o dia 27 de outubro, percorreu 18 localidades, se reuniu com a comunidade acadêmica, visitou o TRE-PE, entre outros atos, para ouvir demandas e sugestões. João também aproveitou para anunciar algumas ações, como o Crédito Popular do Recife e o Escritório de Projetos.

João percorreu os bairros do Cordeiro, Ibura, Jordão, Macaxeira, Alto José Bonifácio, Brejo da Guabiraba, Campo Grande, Ipsep, Várzea, entre outros. O pontapé inicial da campanha ocorreu no dia 27 de outubro, quando o candidato foi até a comunidade Irmã Dorothy, na Imbiribeira, onde assumiu compromissos.

"Começamos a nossa campanha por um local da cidade que não tem a vida resolvida, mas que precisa do poder público para resolver. Tivemos muitos avanços nas gestões do PSB, porém conhecemos os problemas da cidade e o muito que ainda precisa ser superado para melhorar a qualidade de vida da nossa população. Por isso, me comprometo a fazer pela Irmã Dorothy e sua população todas as transformações que são necessárias”, afirmou.

Ainda nesse período, João apresentou algumas propostas. O Crédito Popular do Recife, o maior a ser realizado por uma Prefeitura no Brasil, foi bastante comemorado e bem recebido pela população. O programa garantirá linhas de crédito de R$ 3 mil, com taxas de juros reduzidas de 0,99% e prazo de 12 meses para o pagamento, além de quatro meses para começar a pagar. Pessoas negativadas no mercado também terão direito a este dinheiro e a ideia é realizar aproximadamente 10 mil operações ao ano. Além disso, caso o tomador ou tomadora do empréstimo pague as parcelas em dia, a última fica por conta da Prefeitura.

Outras propostas apresentadas foram o Escritório de Projetos, que João pretende firmar com as universidades para que os trabalhos desenvolvidos pelos alunos, em áreas como infraestrutura, educação, saúde, assistência social, entre outas, sejam aplicados na prática. “Imagine os alunos do curso de engenharia civil, por exemplo, elaborarem projetos reais, de uma rua sem calçamento e saneamento, e a gente poder aproveitar esse projeto e executá-lo de verdade. Todo mundo sairá ganhando com isso”, explicou. Também se comprometeu em criar, dentro da Prefeitura, um setor responsável pela articulação, junto à Compesa, para melhorar o abastecimento de água e o esgotamento sanitário na cidade, principalmente nas áreas de morro.

Também fez questão de se reunir com gestores da UFPE, UFRPE e UPE. Recebeu ainda grupo de estudantes ligados aos movimentos estudantis, como a UNE, UEP, UBES e UMES. Além disso, fez questão de ir até o Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) para uma conversa com o presidente do órgão, desembargador Frederico Neves, sobre o combate às fake news. Na ocasião, João apresentou a campanha lançada por seu grupo, “Recife Não Tá Para Fake".
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Rhaldney Santos entrevista Celso Muniz (MDB)
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão #181 - Tiops de rins dos vertebrados
Rhaldney Santos entrevista Dr. Felipe Dubourcq, urologista
Polícia Federal vai usar drones para fiscalizar irregularidades nas eleições
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco