Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

Eleições

Delegada Patrícia comenta sobre repercussão de suas postagens de 2011

Publicado em: 20/10/2020 14:38 | Atualizado em: 20/10/2020 15:06

 (Tiago Calazans/Divulgação)
Tiago Calazans/Divulgação

 

A Delegada Patrícia comentou, nesta terça-feira (20), sobre a divulgação de postagens polêmicas feitas por ela em março de 2011. A candidata a prefeita do Recife pelo Podemos respondeu, em nota, que preferia discutir o futuro da cidade, não o passado. “Estamos sendo atacados por algumas publicações realizadas em uma rede social há nove anos. Isso é um expediente de quem está desesperado porque estamos crescendo nas pesquisas, rumo ao segundo turno, rumo à vitória”, destacou.


Os prints do perfil do Facebook de Domingos- que repercutiram pelas redes sociais nesta segunda-feira (19)- foram divulgados pelos jornalistas Eduardo Barreto e Guilherme Amado, da  Revista Época.  Em um dos posts, Patrícia se refere à capital pernambucana como "Recífilis". 

 

Patrícia Domingos é delegada da Polícia Civil de Pernambuco há pouco mais de uma década,  em 2020 entrou na política com a sua candidatura a prefeita do Recife. Na pesquisa do dia 8 de outubro do Datafolha, a delegada apareceu com 10% das intenções de voto. Nos resultados do Ibope, do dia 15 de outubro, Patrícia tinha 13% das intenções de voto dos recifenses entrevistados.


Repercussão

Um vereador do PSB, Rinaldo Júnior, entrou com um projeto legislativo na Câmara do Recife pedindo a revogação do título de cidadã recifense da delegada, com base nas postagens veiculadas pelas redes sociais da mesma. Segundo Rinaldo, mais da metade das assinaturas necessárias para o andamento do projeto já foram coletadas.


Confira a nota da delegada na íntegra


“Estamos sendo atacados por algumas publicações realizadas em uma rede social há 9 anos atrás. Isso é um expediente de quem está desesperado porque estamos crescendo nas pesquisas, rumo ao segundo turno, rumo à vitória. Quanto mais a gente cresce, mas eles vão bater e inventar coisas. Em vez de comentar publicações que fiz há quase 10 anos, prefiro discutir sobre a falta de saneamento, a falta de segurança e as acusações de corrupção e desvio de dinheiro público que levou a polícia a fazer 7 visitas à prefeitura somente este ano. Vamos falar sobre o futuro do Recife, e não o passado.”

 

Delegada Patrícia




Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Argentina chora perda de Maradona
Jogadores se despedem de Maradona
Rhaldney Santos entrevista Dra Amanda López, neurocirurgiã pediátrica
Rhaldney Santos entrevista João Campos (PSB), candidato à Prefeitura do Recife
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco