Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Política

#DiarioEntrevista

André Azevedo se coloca como opção bolsonarista para Olinda

Publicado em: 01/09/2020 18:06

André Azevedo afirmou que tem projeto conservador para Olinda (Foto: Reprodução de vídeo)
André Azevedo afirmou que tem projeto conservador para Olinda (Foto: Reprodução de vídeo)
O advogado André Azevedo (DC), pré-candidato a prefeito de Olinda, foi entrevistado na manhã desta terça-feira (1º) na Rádio Clube AM 720. A entrevista faz parte da série de conversas com pré-candidatos a prefeito da Região Metropolitana do Recife. André afirma que representa as ideias do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). O pré-candidato afirmou que começou a presenciar a política de perto nos últimos dois anos, e tenta a majoritária por conta da campanha do atual Presidente da República.

“Temos a bandeira do conservadorismo e da direita, principalmente em Olinda, que é conhecida como o lar dos comunistas”, afirmou. “Minha articulação política será transparência e coerência com a população. É o povo que é o empregador do político e não o contrário”, continuou.

Na mesma toada ideológica, Azevedo criticou o período onde partidos de esquerda estiveram no comando em Olinda. “Existe um rabo preso dos últimos prefeitos de Olinda com os seus superiores. Tivemos Luciana Santos, de 2001 a 2008, depois Renildo Calheiros de 2009 a 2015, PCdoB 16 anos. Tivemos aí a dobradinha. Um governador de esquerda, que era Eduardo Campos, e na presidência Luís Inácio Lula da Silva. O que vimos de diferente em Olinda? Nada”, disse.

Azevedo também criticou a saúde municipal. “Nós iremos utilizar a tecnologia a nosso favor. O cidadão que vai num posto de saúde, além da falta de medicamentos, ele também encontra funcionários desmotivados, com desinteresse em exercer sua função e atender o olindense da melhor maneira possível. Precisamos ter um aplicativo para que o cidadão possa ter um consulta rápida”. Ele também afirmou que vai intensificar as fiscalizações nos funcionários públicos para melhor atenderem a população.

Na educação, André pontuou que o problema estaria na formação dos alunos da rede pública de Olinda. “O combate ao analfabetismo será a nossa bandeira. A nota do Ideb de Olinda está muito abaixo da média. A gente sabe que o aluno, quando passa de ano, quando termina o ensino fundamental, ele é analfabeto. Ele não sabe interpretar um texto, não sabe fazer um cálculo de padaria. Ele não tem a base para conseguir arrumar um emprego. É preciso combater o analfabetismo”.

Veja a entrevista na íntegra
 
 
 
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Resumo da semana: acidente em Boa Viagem, aulas liberadas e reinauguração do Geraldão
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão #101 Actina e Miosina
Rhaldney Santos entrevista advogada Rafaella Simonetti do Valle
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco