Diario de Pernambuco
Busca

Guerra

Ataque ucraniano atinge infraestrutura energética na Rússia

Ucrânia, invadida por Moscou há dois anos, intensificou seus ataques contra o território russo nas últimas semanas
Por: AFP

Publicado em: 20/04/2024 16:10

O bombardeio da noite passada foi ''uma operação conjunta'' dos serviços de segurança ucranianos (SBU), os serviços de inteligência militar e as forças armadas, acrescentou a fonte (Foto: AFP)
O bombardeio da noite passada foi ''uma operação conjunta'' dos serviços de segurança ucranianos (SBU), os serviços de inteligência militar e as forças armadas, acrescentou a fonte (Foto: AFP)
A Ucrânia lançou drones contra oito regiões da Rússia na madrugada deste sábado (20), atingindo depósitos de combustível e três estações elétricas, informou uma fonte ucraniana de Defesa à AFP.

"Pelo menos três subestações elétricas e um depósito de combustível foram atingidos e incendiados. O objetivo era a infraestrutura energética que abastece o complexo militar-industrial russo", detalhou a fonte.

Ucrânia, invadida por Moscou há dois anos, intensificou seus ataques contra o território russo nas últimas semanas, com alvos principalmente nas infraestruturas de energia.

O bombardeio da noite passada foi "uma operação conjunta" dos serviços de segurança ucranianos (SBU), os serviços de inteligência militar e as forças armadas, acrescentou a fonte.

O governador da região ocidental russa de Smolensk havia indicado anteriormente que a Ucrânia havia lançado drones contra "uma instalação de petróleo e energia" nas primeiras horas do sábado, mas que o local não foi fechado.
 
"As forças de defesa aérea derrubaram os drones", declarou o governador Vassili Anokhin. "No entanto, como resultado dos destroços que caíram, um depósito contendo combustível e lubrificantes pegou fogo".

O Ministério da Defesa russo afirma ter interceptado 50 drones ucranianos durante a noite.

Na região russa de Belgorod, na fronteira com a Ucrânia, o governador Vyacheslav Gladkov relatou a morte de duas pessoas no ataque de drones ucranianos e, em seguida, o falecimento de uma mulher grávida em outro bombardeio.

Por sua vez, a Rússia disparou pelo menos sete mísseis contra a Ucrânia durante a noite, dos quais dois foram abatidos pela defesa antiaérea, segundo o Exército ucraniano.

Um bombardeio na cidade de Vovchansk, a poucos quilômetros da fronteira russa, deixou dois mortos e dois feridos.

"Um bombardeio direto atingiu um prédio residencial de nove andares", detalhou a promotoria regional.
 
O governador da região de Kharkiv, Oleg Synegubov, divulgou uma imagem mostrando uma montanha de destroços perto da parte desmoronada de um prédio residencial de vários andares.
Tags: ucrânia | rússia |