Diario de Pernambuco
Busca

GUERRA

Israel diz que tomada de Rafah vai acontecer independente de acordo

O primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu, no entanto, se comprometeu a garantir a evacuação civil e a ajuda humanitária

Publicado em: 21/03/2024 17:19

 (Foto: Ahmad Gharabli/AFP
)
Foto: Ahmad Gharabli/AFP
O ministro de Assuntos Estratégicos, Ron Dermer, declarou ao podcast 'Call Me Back' que Israel vai ouvir as ideias dos EUA para Rafah, cidade no sul da Faixa de Gaza, mas que a cidade seria tomada independentemente de um acordo ser alcançado ou não sobre a evacuação de mais de um milhão de civis.
 
No entanto, o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, se comprometeu a garantir a evacuação civil e a ajuda humanitária, medidas estas que os principais assessores israelitas deverão discutir na Casa Branca nos próximos dias, a pedido do presidente dos EUA, Joe Biden.
 
Por outro lado, o Ministério das Relações Exteriores palestino disse que a diplomacia do Secretário de Estado dos EUA, Blinken, no Oriente Médio ainda não produziu qualquer resultado tangível para Gaza. 
 
“Em vez disso, está dando há Israel mais tempo para aumentar a sua agressão contra o nosso povo. O governo israelita aproveita o fracasso, a capacidade de falar e fazer declarações para ganhar mais tempo para completar a realização dos seus objetivos básicos da sua agressão contra o povo palestino”, diz o comunicado do ministério.

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.