Diario de Pernambuco
Busca

GUERRA

TPI abre inquérito por crimes contra jornalistas em Gaza

Pelo menos 79 jornalistas e profissionais de comunicação, a grande maioria de palestinos, foram mortos desde o início da guerra entre Israel e o Hamas

Publicado em: 09/01/2024 16:12

Gabinete do procurador do Tribunal Penal Internacional anunciou que incluiu os crimes contra jornalistas no seu inquérito sobre a guerra na Faixa de Gaza (Foto: Jack Guez/AFP
)
Gabinete do procurador do Tribunal Penal Internacional anunciou que incluiu os crimes contra jornalistas no seu inquérito sobre a guerra na Faixa de Gaza (Foto: Jack Guez/AFP )
O gabinete do procurador do Tribunal Penal Internacional (TPI) anunciou que incluiu os crimes contra jornalistas no seu inquérito sobre a guerra na Faixa de Gaza, onde dezenas de profissionais foram mortos. “Os crimes contra jornalistas estão sendo investigados pelo gabinete do procurador, entre outros crimes potenciais, como parte da investigação em curso sobre a situação na Palestina, e os objetivos e ações da RSF devem ser apoiados e ter a devida consideração, disse o gabinete do procurador do TPI.
 
Em novembro, a organização Repórteres Sem Fronteiras (RSF), informou que havia documentado o TPI sobre crimes de guerra cometidos contra jornalistas nos territórios palestinos e em Israel. Hoje, a RSF saudou a decisão do TPI. 
 
“A RSF apurou que o procurador do TPI incluiu crimes contra jornalistas na sua investigação sobre a Palestina”, diz o comunicado.
 
Segundo o Comitê para a Proteção dos Jornalistas, pelo menos 79 jornalistas e profissionais de comunicação, a grande maioria de palestinos, foram mortos desde o início da guerra entre Israel e o Hamas. A Organização das Nações Unidas também se pronunciou sobre o assunto e disse estar muito preocupada com este número elevado.
 
“Os jornalistas são protegidos pelo direito internacional humanitário e pelo Estatuto de Roma e não devem, em circunstância alguma, serem alvos no exercício da sua importante missão”, declarou o procurador do Tribunal Penal Internacional

Tags: hamas | israel | guerra | gaza |

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.