Diario de Pernambuco
Busca

CONFLITO

EUA apela a ONU contra ataques no mar Vermelho

O representante norte-americano nas Nações Unidas, Christopher Lu, afirmou que os Houthis já fizeram 25 ataques desde o dia 19 de novembro

Publicado em: 04/01/2024 12:29 | Atualizado em: 04/01/2024 13:53

 (Foto: Khaled Ziad/AFP)
Foto: Khaled Ziad/AFP
Os Estados Unidos apelaram ao Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) para tomar medidas urgentes contra os rebeldes Huthis, do Iêmen, após os diversos ataques a navios relacionados com Israel no mar Vermelho.
 
O representante norte-americano nas Nações Unidas, Christopher Lu, afirmou na reunião de emergência do Conselho, que os Houthis já fizeram 25 ataques desde o dia 19 de novembro.
 
Segundo Lu, apesar do grupo rebelde iemenita ter perdido 10 combatentes num confronto com as forças norte-americanas, depois de falharem numa tentativa de embarcar em um navio de carga no domingo, os Houthis disseram ontem (3) que tinham como alvo outro navio de contentores.
 
O secretário-geral da Organização Marítima Internacional, Arsenio Dominguez, declarou ao Conselho que aproximadamente 18 companhias de navegação desviaram os navios para a África do Sul, para evitarem o risco de serem atingidos.
 
Os Houthis, envolvidos numa guerra civil com o governo internacionalmente reconhecido do Iêmen desde 2014, anunciaram que lançam os ataques a navios no mar Vermelho para pôr fim à ofensiva de Israel na Faixa de Gaza.

Tags: mar vermelho | eua | onu | houthis |

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.