Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

TRAGÉDIA

Grande incêndio provoca fuga de moradores no norte da Califórnia

Por: AFP

Publicado em: 01/08/2022 09:06

 (Foto: DAVID MCNEW / AFP)
Foto: DAVID MCNEW / AFP
O maior incêndio registrado desde o início do ano na Califórnia obrigou milhares de pessoas a abandonar suas residências, depois de destruir casas e devastar o terreno seco do estado, afetado no domingo por ventos fortes e tempestades elétricas.

O incêndio McKinney permanecia fora de controle na Floresta Nacional de Klamath, norte da Califórnia, informou o Departamento Florestal e de Proteção contra Incêndios, depois de atingir mais de 51.000 acres perto da cidade de Yreka.

Este é o maior incêndio na Califórnia em 2022.

O governador do estado da costa oeste dos Estados Unidos, Gavin Newsom, declarou estado de emergência no sábado e advertiu que o as chamas "destruíram casa e ameaçavam infraestrutura crítica".

O fogo se "intensificou e propagou por combustíveis secos, condições de seca extrema, temperaturas elevadas, ventos e tempestades elétricas", afirmou Newsom em um comunicado.

Mais de 2.000 moradores receberam ordem para abandonar suas casas, de acordo com o Serviço de Emergência da Califórnia (OES), principalmente no condado de Siskiyou.

Quase 650 pessoas trabalhavam para tentar controlar o incêndio, segundo o Grupo Nacional de Coordenação de Incêndios Florestais.

Nos últimos dias, a Califórnia e outras áreas da região oeste dos Estados Unidos foram afetadas por grandes incêndios de rápida propagação.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Manhã na Clube: entrevistas com dr. Heitor Medeiros e André Navarrete (Innovation Meeting)
Em busca de água, indígenas brasileiros encontram novo lar
Manhã na Clube: entrevista com Carlos Veras (PT), deputado federal
China executa maiores exercícios militares em décadas
Grupo Diario de Pernambuco