Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

POLÍTICA INTERNACIONAL

Trump participará de ato com candidato acusado de agressão sexual

Por: AFP

Publicado em: 29/04/2022 17:24

 (crédito: Drew Angerer/GETTY IMAGES NORTH AMERICA/Getty Images via AFP)
crédito: Drew Angerer/GETTY IMAGES NORTH AMERICA/Getty Images via AFP
O ex-presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, participará de um comício nesta sexta-feira (29) em apoio a um candidato acusado de agredir sexualmente oito mulheres, inclusive uma senadora.

Charles Herbster, um pecuarista bilionário de 67 anos, rejeitou as acusações, mas enfrenta a reação dos conservadores do Nebraska, onde concorre para ser o futuro governador.

A senadora, Julie Slama, declarou a duas semanas ao Nebraska Examiner que Herbster havia colocado a mão por baixo de sua saia e a molestado durante um evento em 2015. Outras sete mulheres também o acusam anonimamente de abuso sexual.

"Não busco atenção da mídia nem nenhum outro benefício. Eu simplesmente não ia mentir e dizer que não aconteceu", afirmou Slama, que tinha 22 anos na época do abuso, em um comunicado.

Herbster, cuja fortuna vem em parte da venda de sêmen de touro, foi descrito como um "orador convidado especial" pelos organizadores do evento "Save America" de Trump, em um hipódromo nos arredores de Omaha.

Trump foi informado por seus assessores no início deste mês sobre essas acusações, segundo o Político, mas o líder republicano redobrou a aposta e pressionou para que Herbster se defendesse.

O pecuarista descreveu o escândalo como uma "campanha de desprestígio" similar às tentativas de ataque a Trump, que foi acusado de conduta sexual inapropriada por mais de duas dezenas de mulheres.

Trump, de 75 anos, tem um longo histórico de apoio a figuras públicas acusadas de má conduta, como o ex-assessor da Casa Branca Rob Porter, demitido após ser acusado de ter agredido duas de suas ex-esposas.

A nomeação republicana para o governo de Nebraska em 10 de maio é disputada por três pessoas: Herbster, o bilionário criador de porcos Jim Pillen e o senador Brett Lindstrom.

O apoio de Trump a Herbster irritou grande parte dos grupos influentes do partido republicano de Nebraska, estado em que o magnata nova-iorquino venceu em 2020 por 20 pontos.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Soldado russo se declara culpado por crime de guerra na Ucrânia
Manhã na Clube: entrevista com Maria Zilá Passo, advogada especialista em direito da saúde
Fechamento de escolas durante pandemia pode gerar prejuízos por décadas no Brasil
Cada vez mais brasileiros procuram a medicina tradicional chinesa
Grupo Diario de Pernambuco