Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Mundo

TRAGÉDIA

Acidente da EgyptAir pode ter começado com cigarro na cabine do piloto

Por: AFP

Publicado em: 28/04/2022 15:35

 (crédito: AFP)
crédito: AFP
O acidente aéreo da EgyptAir em 2016, que causou a morte de 66 pessoas no Mediterrâneo, pode ter sido causado por um incêndio na cabine do piloto devido a um cigarro, apontam conclusões de especialistas franceses reveladas nesta quarta-feira.

Segundo um documento de 134 páginas consultado pelo jornal italiano "Il Corriere della Sera" e enviado à Justiça da França, o incêndio a bordo pode ter sido provocado pela conjunção de dois fatores: vazamento na máscara de oxigênio do copiloto e combustão de um cigarro fumado pelo piloto ou co-piloto.

O voo MS804 da EgyptAir desapareceu repentinamente dos radares em 19 de maio de 2016, durante a rota entre Cairo e Paris, causando a morte de todos os ocupantes. O ministro da aviação do Egito atribuiu inicialmente o acidente a um ataque terrorista, mas a agência de segurança aérea francesa informou que a aeronave enviou mensagens automáticas de fogo na cabine antes de perder o contato.

As caixas-pretas da aeronave corroboraram a hipótese dos especialistas franceses, segundo o jornal italiano.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Manhã na Clube: entrevista com Raquel Lyra (PSDB)
Casamento de Lula e Janja: celulares barrados na entrada
Soldado russo se declara culpado por crime de guerra na Ucrânia
Manhã na Clube: entrevista com Maria Zilá Passo, advogada especialista em direito da saúde
Grupo Diario de Pernambuco